Papa Bento XVI lança aplicativo e pede que fiéis utilizem as redes sociais

Por Redação | 24 de Janeiro de 2013 às 18h53

O Papa Bento XVI anunciou nesta quinta-feira (24), em sua mensagem pelo Dia Mundial das Comunicações Sociais, que os fiéis devem utilizar as redes sociais, como Twitter e Facebook, para conquistar novos seguidores para o Catolicismo. E o sumo pontífice também lançou um aplicativo móvel para os católicos acompanharem seus discursos 'ao vivo'.

"A menos que a boa notícia seja tornada conhecida também no mundo digital, ela pode ficar ausente na experiência de muitas pessoas", afirmou o Papa em um texto publicado no site oficial do Vaticano. Em seu discurso, Bento XVI também afirmou que as redes sociais devem ser usadas para um diálogo saudável e respeitoso com pessoas que possuem outras crenças, e até para organizar eventos entre os católicos.

O Papa também elogiou a vida digital e os relacionamentos construídos a partir desse meio, desmentindo a sua fama de tradicionalista. "A vida online cada vez mais se torna parte do próprio tecido da sociedade", ressaltou Bento XVI. E ainda hoje (24), o Vaticano lançou o aplicativo para smartphones 'The Pope App', que permite que os usuários realizem o download de todos os discursos do pontífice e notícias.

Em dezembro de 2012, o Papa Bento XVI entrou para o Twitter e em tão pouco tempo, fala na rede social para mais de 2,5 milhões de seguidores em suas oito contas e em várias línguas, incluindo inglês, português, francês, italiano, árabe, alemão, polonês e espanhol. O primeiro tweet do Papa foi reproduzido para o mundo todo no dia 12 de dezembro do ano passado, durante as celebrações do dia de Nossa Senhora de Guadalupe.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.