Mais da metade de todo o tráfego online é gerado por bots

Por Redação | 13.12.2013 às 15:48

Dados atualizados, oriundos de um estudo realizado pela Incapsula, empresa especializada em segurança na nuvem, revelou que 61,5% de todo o tráfego registrado na internet é gerado por bots ou outros sistemas automatizados. A “atividade robótica” registrou aumento de 21% em 2013, deixando os humanos bem para trás quando o assunto é audiência online.

A boa notícia é que pelo menos metade desse total é composta pelos “bots bons”, como são chamados os sistemas utilizados por ferramentas de busca ou avaliadores de desempenho online, por exemplo. O resultado mostra um aumento de atividade na rede pelos players já existentes, bem como a chegada de novas plataformas focadas, principalmente em SEO.

A firma conta que, por exemplo, existem ferramentas de otimização de buscas capazes de acessar sites até 50 vezes por dia, aumentando de forma exponencial o tráfego de grandes portais. O crescimento na participação dos “bots bons” foi de cerca de 55%.

Tráfego de bots

Por outro lado, nem tudo são flores. Os bots maliciosos, apesar de apresentarem redução em sua presença, ainda representam a outra metade dessa esfera de robôs online. Entre eles estão spammers (o único quesito a apresentar queda significativa, na casa dos 75%), aplicativos de roubo de informação, ferramentas de invasão ou ataques de negação de serviço.

A Incapsula também revelou um crescimento preocupante na categoria de “falsários”, como são chamados os aplicativos que tentam assumir a identidade de outros softwares para roubar dados ou acessar sistemas restritos. Aqui, o aumento foi de 8% e, para a empresa, tais robôs estão na mais alta categoria de ameaças digitais.