John McAfee quer fazer uma internet "impossível de hackear"

Por Redação | 26 de Setembro de 2013 às 15h53

O pioneiro do antivírus John McAfee, que já se enterrou na areia para se esconder da polícia em Belize, fingiu um ataque cardíaco em um centro de detenção da Guatemala e tentou começar uma "carreira" no YouTube, disse que está pronto para a sua próxima aventura: retornar ao Vale do Silício.

Aos 67 anos e com uma disposição fora do comum para se envolver em encrencas, McAfee agora quer lançar uma nova empresa de segurança cibernética para tornar a internet mais segura para todos. "Minha nova tecnologia vai proporcionar um novo tipo de internet, descentralizada, flutuante e em movimento, impossível de hackear, impossível de penetrar e muito superior em termos de facilidade e neutralidade. Ela resolve todos os problemas de segurança", afirmou McAfee ao periódico californiano Contra Costa Times.

O magnata pretende divulgar mais detalhes acerca de sua nova empresa no próximo sábado (28), quando ele participará da inauguração de um festival de música e de uma conferência de tecnologia. Mas ele afirma que já está viajando constantemente para o Vale do Silício para dar andamento aos seus planos – e diz ainda que pretende se mudar para lá assim que sua companhia decolar.

Apesar de seu estilo de vida pouco comum e de todos os acontecimentos recentes envolvendo seu nome, McAfee continua sendo um dos empresários mais proeminentes da história do Vale do Silício. Em 1989, ele fundou uma empresa de software antivírus, que até hoje leva seu nome, e já chegou a possuir uma fortuna pessoal avaliada em mais de US$ 100 milhões. Em 1994, McAfee resolveu deixar a empresa e seguir sua vida sem maiores preocupações (ou não).

Mas com seu estilo de vida extravagante, recheado de viagens, mulheres, drogas, carros e barcos caríssimos, será que ele ainda tem dinheiro para abrir uma nova empresa? "Talvez eu tenha menos do que eu tinha há 15 anos", confessa McAfee, que também diz que as coisas não estão ruins, e que ele ainda "vive e come bem". Outro ponto curioso nessa história é imaginar quem terá coragem de embarcar nesse negócio com ele. Imagine um capitalista de risco, ou dois, dispostos a fazer uma aposta alta em uma nova empresa, jogando milhões de dólares nas mãos de McAfee?

Definitivamente, parece que ainda vamos ouvir falar muito dele.

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.