Hackers começam a usar até geladeiras para enviar spam

Por Redação | 20.01.2014 às 10:15 - atualizado em 20.01.2014 às 14:29

A Internet das Coisas dá capacidades de conexão à internet aos mais variados equipamentos que estão presentes no nosso cotidiano. Televisores, roteadores, microondas, geladeiras... Todos eles podem se conectar à internet agora.

O problema é que com tantos equipamentos conectados, acaba se tornando complicado manter tudo atualizado. Graças a isso, hackers aproveitam para infectar estes dispositivos e agora estão usando-os para enviar SPAM.

Uma empresa de segurança online da Inglaterra fez uma pesquisa entre 23/12/2013 e 06/01/2014. No período, foram enviados milhões de e-mails considerados SPAM ou phishing. Um quarto do total, porém, não estava partindo de computadores, notebooks ou smartphones e sim de eletroeletrônicos.

Elas foram enviadas a partir de media centers, televisores, roteadores de uso doméstico e até mesmo uma geladeira. Isso mostra que os hackers agora passaram a comandar também diversos equipamentos que você tem em sua casa para transformá-los em robôs de SPAM.

Foi-se o tempo que apenas computadores eram responsáveis pelas mensagens não solicitadas que chegam na sua caixa de entrada virtual. Com a tendência de crescimento da Internet das Coisas e com os consumidores pouco interessados em manter tudo atualizado, o futuro não é nada promissor.

Poucos fabricantes estão se esforçando para tornar seus produtos mais seguros, o que deve fazer com que o número de mensagens de SPAM enviados a partir de nossos eletrodomésticos só cresça no futuro. E você nem sequer saberá que seu microondas é um robô de SPAM...