Gangnam Style quebra YouTube e obriga Google a mudar algoritmo do site

Por Redação | 03 de Dezembro de 2014 às 13h06
Tudo sobre

YouTube

Em 2012, o rapper sul-coreano Psy quebrou todos os recordes do YouTube quando o clipe de Gangnam Style foi visto por mais de 1 bilhão de pessoas. Nesta semana, o clipe não só quebrou uma nova marca como também deixou o YouTube quebrado ao alcançar o número máximo de visualizações permitido pelo site: 2.147.483.647.

Em uma declaração oficial no Google+, o serviço de streaming do Google disse que este número é, na verdade, o máximo suportado por uma variável numérica de 32 bits usada pelo site para armazenar a quantidade de visualizações dos vídeos. Na publicação, a empresa ainda afirma que jamais imaginou que presenciaria este fato.

Assista Agora: Gestor, descubra os 5 problemas que suas concorrentes certamente terão em 2019. Comece 2019 em uma nova realidade.

Por esse motivo, a equipe de desenvolvimento do YouTube foi forçada a fazer uma alteração no algoritmo de contagem do site para que ele passe a trabalhar com variáveis numéricas de 64 bits. Com a alteração, o site estabelece um novo máximo de visualizações, que é de 9.223.372.036.854.775.807 - ou seja, mais de nove quintilhões de views.

Além da mudança, os programadores inseriram um easter egg: ao passar o mouse em cima do contador de Gangnam Style no site, os números vão aparecer rodando como se fosse uma máquina caça-níqueis de um cassino até o número ficar negativo.

Se levou dois anos para o Gangam Style atingir essa marca, talvez agora demore um pouco mais para que os funcionários do YouTube tenham que se preocupar novamente.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.