90% dos contratos de internet banda larga fixa são ilimitados, revela Anatel

Por Redação | 01.06.2016 às 19:05
photo_camera Divulgação

Com o início dos painéis da 7ª edição do ISP nesta quarta-feira (1), em São Paulo, o tema da limitação de franquia de internet fixa voltou à tona durante debate sobre revisão do modelo do setor de telecom no Brasil. O presidente da Anatel, João Rezende, participou do evento e, mesmo sendo contra a intervenção do regulador nos pacotes de internet, ressaltou que um levantamento junto às operadoras mostrou que 90% dos planos de dados de internet atuais já preveem dados ilimitados.

Com isso, os consumidores podem ficar um pouco mais despreocupados em relação ao bloqueio de internet, já que, nas palavras de Rezende, "contratos não podem ser alterados sem a concordância do usuário". Além disso, o projeto de banda larga fixa da Vivo, que deu início à toda a discussão dos planos limitados, não está definido.

O secretário de Inclusão Social e Internet do governo Michel Temer, Maximiliano Martinhão, também se pronunciou sobre o assunto. De maneira parecida com Rezende, Martinhão também defende que o assunto deve ser tratado com mais profundidade para que uma solução que seja tanto do interesse dos consumidores quanto das empresas possa ser atingida.

Na opinião do presidente da Anatel, a suspensão da adoção de franquia na banda larga fixa é uma medida que permitirá que a discussão sobre a limitação da internet seja feita com mais calma e de maneira assertiva.

Via: Telesintese