Oi e Konker firmam parceria para IoT

Por Redação | 04 de Outubro de 2017 às 18h30
photo_camera Divulgação

A Konker, especializada em projetar tecnologias abertas de Internet das Coisas (IoT), está expondo na Futurecom 2017 uma plataforma própria que permite criar, de forma rápida e modular, soluções de IoT para todos os tipos de aplicação industrial, varejo, logística, insurance, hospitalar, urbana ou de governo.

Além de apresentar sua tecnologia, a empresa apresentou alguns exemplos pioneiros de aplicação comercial da IoT que prometem ganhar escala no Brasil. Entre eles, está o sistema inteligente para freezers comerciais (ou "shelves refrigeradas"), uma solução desenvolvida em parceria com a operadora Oi e que permitirá às redes de varejo o gerenciamento remoto desses equipamentos em um número ilimitado de pontos de vendas.

Inclui-se aí o controle de abastecimento de produtos perecíveis nas shelves, o desempenho de vendas de cada produto e a previsão de demandas futuras com base na análise preditiva.

A Konker também desenvolveu outras soluções, como o SmarttAC, um produto IoT pronto para instalação, que conecta os dispositivos de ar condicionado de um escritório a uma aplicação de celular para garantir condições ideais de temperatura, em diferentes ambientes e em diferentes horários, com o menor dispêndio energético e economias de até 30%.

Componentes pré-moldados para IoT

Através do ambiente em nuvem Konker Platform, a Konker oferece uma superestrutura inteligente, no modelo de entrega PaaS (Plataforma como Serviço), na qual o integrador ou desenvolvedor de soluções IoT encontra ferramentas intuitivas e componentes pré-moldados de software para a montagem de protótipos de aplicação com o mais rápido "time to market".

Tais componentes, baseados em software aberto, são criados, compartilhados e integrados por comunidades de desenvolvimento de todo o mundo e de todos os ramos de negócios.

Juntamente com as facilidades de prototipagem e execução, a plataforma Konker traz um grande número de recursos de inteligência analítica, aprendizado de máquina e ferramentas de gestão de dados
de negócios para funções de inventário, logística, marketing, planejamento e monitoramento de negócios.

De acordo com Alexandre Junqueira, CEO da Konker, a combinação do modelo PaaS com a adoção da filosofia de software agnóstico vem atraindo parceiros tecnológicos de todas as áreas envolvidas no ecossistema IoT, como provedores de chips para a conexões de coisas, integradores de software e operadoras de telecom e infraestrutura em nuvem.

"Nossa proposta é a de estar no centro de iniciativas de IoT interessadas na conexão e na gestão inteligente de dados envolvendo a adição em nuvem de todas as categorias de máquinas, pessoas, veículos, instrumentos, sinalizadores, sistemas de vigilância, equipamentos de varejo ou de utilidades domésticas", assinala o executivo.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.