NASA desmente Uber e diz que não fez parceria para criar carros voadores

Por Redação | 09 de Novembro de 2017 às 15h01
NASA
Tudo sobre

Uber

Ontem (8), a imprensa internacional anunciou uma parceria inédita entre a NASA e a Uber, que estariam unindo suas forças para desenvolver um carro voador que serviria como um novo serviço de táxi. Mas, agora, a agência espacial dos Estados Unidos emitiu um comunicado desmentindo a notícia.

Quem disse, na verdade, que a parceria estaria acontecendo, foi Jeff Holden, chefe de departamento da Uber, durante um evento em Lisboa. Ele afirmou que a companhia estava trabalhando com a NASA na criação do software do novo veículo, que seria capaz de reduzir o congestionamento das ruas das grandes cidades no futuro.

No entanto, um porta-voz da NASA explicou hoje (9) que a Uber seria apenas uma de uma "multidão" de outras empresas que estariam se unindo à agência para criar projetos de drones de baixa altitude, não se tratando de um projeto de táxis voadores, propriamente dito. Este projeto, na verdade, seria datado de janeiro de 2017, não sendo uma novidade, e a agência ficou sem entender por que a Uber estaria divulgando-o somente agora, ainda mais dando a entender que a NASA criaria os tais veículos.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Ainda, a Uber chegou a declarar em outro momento que estaria trabalhando com a Federal Aviation Administration (FAA) dos EUA para licenciar veículos de transporte aéreo, mas um porta-voz da FAA também desmentiu a informação: "Nós não recebemos uma proposta específica da Uber, então não comentaremos".

As informações quanto à negativa da informação sobre a parceria entre NASA e Uber são do Register, não constando, ao menos por enquanto, no site oficial da NASA.

Fonte: The Register

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.