Exoesqueleto é capaz de impedir quedas de pessoas idosas

Por Redação | 30 de Maio de 2017 às 13h07

Para ajudar a população idosa a se manter em pé, pesquisadores da Scuola Sant'Anna, da Itália, juntamente de cientistas da EPFL, da Suíça, estão desenvolvendo um exoesqueleto tecnológico para sustentar e ajudar essas pessoas a caminharem com mais segurança.

Estatísticas internacionais revelam que, a cada 19 minutos, um idoso morre em decorrência de quedas. Somente nos Estados Unidos, a cada 11 segundos uma pessoa com mais de 65 anos é atendida em hospitais por conta de quedas.

A realidade brasileira não é muito diferente da norte-americana, então uma ideia como essa também seria muito bem-vinda no mercado nacional. O exoesqueleto é um “protótipo inteligente, leve e de fácil personalização, que contrapõe a falta de balanço, promovendo uma recuperação após uma escorregada acidental”, explicaram os desenvolvedores.

Silvestro Micera, um dos criadores do projeto, disse que antes de iniciar as vendas do exoesqueleto a equipe ainda precisa tornar o produto mais leve, discreto e portátil. Por enquanto, podemos conferir como ele funciona em um vídeo publicado pela EPFL no YouTube.

Via: TheNextWeb