Estudo: 85% das PMEs enfrentam problemas com backup e recuperação de dados

Por Redação | 13 de Agosto de 2013 às 08h00

Produzido pela Veeam Software, especialista em soluções de proteção de dados em ambientes virtualizados, o primeiro Relatório de Proteção de Dados em Virtualização para Pequenas e Médias Empresas mostra que 85% das PMEs enfrentam problemas com backup e recuperação de dados. Além disso, 83% têm problemas com a falta de recursos e 80% com a complexidade dos processos. As informações são da Meta Análise.

O levantamento consultou 500 PMEs nos Estados Unidos e Europa para entender o impacto da virtualização e as estratégias de backup e recuperação de dados das empresas. O estudo concluiu que a maioria das companhias enfrenta dificuldades com o custo, complexidade e falta de capacidade para a proteção de dados em um ambiente virtual.

Este cenário indica que apenas 15% das PMEs não têm problemas com o backup de arquivos e recuperação de dados. Entre os principais desafios listados pelas empresas consultadas pelo levantamento estão os altos custos com gestão, licenciamentos caros e backups que exigem grande volume de armazenamento. O tempo dos procedimentos e as ferramentas difíceis de operar e configurar também estão entre os problemas apontados pelas pequenas e médias empresas.

"Cada vez mais, as PMEs estão sendo submetidas aos mesmos desafios de TI e pressões comerciais das grandes empresas", afirmou Ratmir Timashev, presidente e CEO da Veeam Software. "Como tal, qualquer interrupção na infraestrutura de TI pode ter consequências graves. Por isso é tão preocupante que a grande maioria das pequenas e médias empresas enfrente os desafios de custos, complexidade e com capacidade de backup e recuperação. Se considerarmos também que uma em cada seis recuperações simplesmente não funcionam, fica claro que a questão da proteção de dados é uma bomba-relógio nas PMEs".

A pesquisa também comprovou que o tempo de inatividade, em caso de falhas na infraestrutura de TI, é capaz de custar US$ 150 mil (R$ 341 mil) ou mais por hora para as PMEs, o que indica que as falhas podem chegar a custar US$ 600 mil (R$ 1,3 milhão) para essas empresas com base no tempo gasto na recuperação de dados.

Ainda de acordo com os resultados do levantamento, 63% das PMEs acreditam que as ferramentas de backup e recuperação de dados se tornam menos eficientes ao passo que o número de dados para serem armazenados e servidores na companhia aumentam. E 55% das empresas afirmaram que têm planos para mudar suas ferramentas de backup para servidores virtualizados até no próximo ano.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.