Samsung pode começar a vender seus chips Exynos para outras fabricantes

Por Ramon de Souza | 15 de Maio de 2018 às 14h43

De acordo com informações obtidas pela Reuters, a Samsung está planejando a comercialização de seus chipsets próprios — os famosos Exynos — para outras fabricantes de smartphones. Nascida em 2010, a linha de SoCs da sul-coreana quase sempre foi usada exclusivamente em seus gadgets topo de linha, com a última geração (Exynos 9810), por exemplo, sendo utilizada em algumas variantes globais do Galaxy S9.

As fontes afirmamm que o principal objetivo da Samsung é se tornar fornecedora de componentes para a asiática ZTE, que recentemente foi impedida de importar tecnologia norte-americana para seus celulares. Dessa forma, sem poder usar chips da Qualcomm, a ZTE só teria a MediaTek e a Samsung à disposição (e, na maioria das vezes, os componentes da MediaTek não apresentam uma ampla aceitação no mercado).

“Nós estamos falando com todas as OEMs”, afirmou Inyup Kang, diretor do setor de desenvolvimento de chips lógicos da Samsung. O executivo promete ter novidades até o começo de 2019. Vale lembrar que a Meizu, por enquanto, é a única parceira da marca — o modelo 15 Plus, por exemplo, sai de fábrica com um Exynos 8895.

Fonte: TechRadar

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.