Qualcomm expande sua plataforma Snapdragon Wear

Por Redação | 22 de Fevereiro de 2016 às 12h10
photo_camera Divulgação/Qualcomm

Parece que a Qualcomm está mesmo interessada em dispositivos vestíveis. Tanto que a empresa anunciou que está expandindo sua plataforma voltada para os wearables, a chamada Snapdragon Wear, e adicionando três novos nomes à sua lista de Fabricantes de Projeto Original (ODMs).

As ODMs são empresas que projetam produtos que receberão a marca de outra companhia e, por fim, serão vendidos ao consumidor final. Agora, Borqs, Compal Electronics Inc. e Infomark vão criar projetos de referência baseados no primeiro modelo da nova linha de processadores da marca, o Snapdragon Wear 2100 System-on-Chip. O novo SoC é direcionado para a próxima geração de gadgets inteligentes e conectados, como relógios, pulseiras, óculos e headsets.

A adição destas novas empresas à lista de ODMs da Qualcomm abre novas possibilidades para os fabricantes de dispositivos acelerar o desenvolvimento e implantação de dispositivos portáteis inovadores. "A Qualcomm Technologies é líder em wearables, com 25 produtos em desenvolvimento com base no novo Snapdragon Wear 2100, além de mais de 65 produtos já despachados", disse Raj Talluri, vice-presidente sênior de gerenciamento de produtos da empresa.

A plataforma Snapdragon Wear consiste em um conjunto completo de processadores, software, ferramentas de suporte e projetos de referência para permitir que os fabricantes criem rapidamente "uma gama diversificada de wearables com recursos completos para o mercado". Tanto o Snapdragon Wear 2100 quanto os demais produtos da plataforma já estão disponíveis. A Qualcomm tem uma página especial em seu site apenas com informações a respeito dos seus esforços relacionados à computação vestível.

Fonte: Qualcomm