Qualcomm deixa a Samsung e negocia com TSMC para fabricação de chips em 7nm

Por Redação | 13.06.2017 às 11:12

Parece que a Qualcomm está prestes a abandonar sua parceria com a Samsung para se aliar à TSMC. Pelo menos é isso o que aponta um relatório divulgado pelo site Fudzilla nesta terça-feira (13).

A parceria entre Qualcomm e Samsung resultou no desenvolvimento do Snapdragon 835 utilizando litografia de 10 nanômetros. Atualmente, o SoC está presente nos aparelhos Galaxy S8 e é um dos principais componentes responsáveis pelo alto desempenho do flagship da gigante sul-coreana.

O documento informa que a Qualcomm abandonou a Samsung para negociar com a TSMC (Taiwan Semiconductor Manufacturing Company) o início da produção de chips em 7 nanômetros, que farão parte da nova família de semicondutores Snapdragon. Há também a informação de que as duas companhias já realizaram os primeiros testes com a tecnologia no final do ano passado, mas sem nenhuma menção da marca Snapdragon.

Caso as informações sejam confirmadas, trata-se de uma notícia ruim para a Samsung, considerando que a sul-coreana já tem mais de US$ 1,78 bilhão em vendas provenientes da Qualcomm. É claro que os negócios não serão encerrados imediatamente, já que todos os Snapdragon 835 têm de ser comprados antes do término da parceria.

Até que isso aconteça, é muito provável que a Qualcomm inicie os trabalhos de desenvolvimento do Snapdragon 845 com arquitetura de 7nm, visto que essa é uma área na qual a TSMC é pioneira e já possui contratos com outras companhias grandes, como a Apple.

A Samsung, por sua vez, deixou um pouco de lado as pesquisas da tecnologia de 7 nanômetros e se concentrou em chips de 10nm, ficando um pouco atrás da Qualcomm.

Via: GizChina