NVMe: a tecnologia que tornará seu computador mais rápido

NVMe: a tecnologia que tornará seu computador mais rápido

Por Alexandre Jannoni | 27 de Julho de 2021 às 10h00
Divulgação/Western Digital

Introduzida no mercado em 2013, a tecnologia NVMe (ou Memória Não Volátil Expressa, na tradução livre) não é um conceito novo, mas tem se popularizado graças à redução dos preços de venda dos SSDs. Isso permite o aumento da implementação em soluções mais acessíveis, e que podem fazer uma super diferença na performance do seu computador no dia a dia.

Mas como saber escolher um SSD com NVMe e como entender se a tecnologia pode impactar positivamente sua máquina?

Esta interface utiliza como protocolo de comunicação o PCle da placa mãe para oferecer mais velocidade e rendimento para o armazenamento. Os SSDs com NVMe se conectam direto ao computador ou notebook, trazendo ainda mais autonomia aos processos e maior desempenho, ultrapassando 3.500 MB/s com facilidade, enquanto nos modelos SATA a velocidade não passa de 600 MB/s. E isso pode mudar muita coisa.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Então você deve estar se perguntando:

"O que é melhor? Instalar um SSD NVMe naquela minha máquina que já não desempenha tão bem ou a troco por um novo computador?" 

Te ajudo nessa decisão. Quando se fala em performance, sempre é necessário avaliar mais de um ponto para ter uma resposta assertiva. Então vamos fazer esse exercício:

  • O processador instalado é compatível com as aplicações que são utilizadas?
  • A quantidade de memória RAM é compatível com as aplicações necessárias?
  • Meu computador aceita um drive com tecnologia NVMe?

Se as respostas acima forem afirmativas, investir na troca do drive por um que tenha a tecnologia NVMe embarcada pode ser benéfico para a performance do seu computador. Por exemplo, se você usa o PC para jogar, com um SSD NVMe o tempo gasto para instalar e carregar um jogo diminui consideravelmente. Além disso, será muito mais rápido salvar as fases superadas, aumentando seu desempenho e vantagem frente a outros jogadores.

E como escolher o SSD que melhor se encaixa no seu perfil? Hoje, existem muitos modelos no mercado, com unidades que podem ser usadas dentro do PC ou portáteis. No caso dos SSDs internos, que precisam ser instalados, é preciso se atentar às diferentes formas de instalação. Para garantir a máxima performance do SSD NVMe interno e, consequentemente, da sua máquina, por exemplo, recomendo uma instalação nova do sistema operacional.

Os NVMes são muito fáceis de serem instalados, mas nem todos os dispositivos contam com a entrada para essa tecnologia. É preciso verificar qual é a porta de entrada do seu PC ou notebook, que pode ser PCle, M Key, B Key ou SFF-8639. Caso não seja nenhuma dessas, será necessário instalar um adaptador, como o M Key para PCle.

Já os SSDs externos, comumente conhecidos como portáteis, têm como grande vantagem a mobilidade. Para utilizá-lo, basta verificar se o computador possui uma entrada USB compatível com o SSD. No caso do NVMe Gen 3, é importante ter, no mínimo, um conector USB 3.0. Já no Gen 4, um USB 3.1 Gen 2 é o ideal para não impactar a performance do SSD NVMe.

Para encerrar, não posso esquecer de falar sobre outros pontos que você precisa levar em consideração: a capacidade e, claro, o valor de investimento - que deve se adequar à sua realidade. É possível encontrar facilmente modelos com capacidade entre 128 e 500 GB, com preços a partir de R$ 250. Para quem precisa de mais espaço e mais velocidade, existem SSDs com capacidade de até 2 TB, encontrados no mercado a partir de R$ 1.500.

Então me conta: te ajudei a avaliar o que é melhor para você? E uma coisa é certa: a tecnologia NVMe pode, de fato, te ajudar a ampliar a performance e deixar seu computador voando. Vale pesquisar as opções existentes no mercado e apostar na solução.

*Artigo produzido por colunista com exclusividade ao Canaltech. O texto pode conter opiniões e análises que não necessariamente refletem a visão do Canaltech sobre o assunto.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.