Siga o @canaltech no instagram

Intel revela processador de 56 núcleos em evento desta terça-feira (2)

Por Rafael Rodrigues da Silva | 02 de Abril de 2019 às 21h50
Tudo sobre

Intel

Saiba tudo sobre Intel

Ver mais

Nesta terça-feira, durante o Data-Centric Innovation Day, evento organizado pela Intel na cidade de São Francisco e que foi voltado para a tecnologia de data centers, a empresa apresentou uma nova linha de processadores escalonáveis Xeon da Cascade Lake, revelada pela Intel como parte da linha 9000 e 9200 de processadores da empresa.

Esses processadores, desenvolvidos para ser usados em data centers, existirão em 53 modelos com diferentes especificações, que poderão chegar a um máximo de 56 núcleos e 12 canais de memória por chip. A grande variedade de modelos disponíveis para todas as necessidades é um bom indicador de que a Intel não está disposta a ceder nem um pouquinho o seu controle do mercado: hoje, 95% de todos os data centers do mundo utilizam processadores Intel.

Esses processadores de 56 núcleos podem funcionar como um sistema de 112 threads em uma placa com design de multi-processador, o que significa que dois desses chips podem ser utilizados de forma conjunta como se fossem um único componente. Além disso, os 12 canais de memória tornam o novo processador da Intel o modelo que permite o maior acesso a largura de banda dos servidores de qualquer processador do mercado, pois nenhum outro possui tantos canais de memória quanto o novo da Intel.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Por conta de sua densidade de performance, alta capacidade de memória e o acesso a uma grande largura de banda da operação de servidores, esses processadores são perfeitos para o uso em HTCs (computadores de alto desempenho ou supercomputadores), mas a Intel afirma que eles também garantem um alto desempenho em operações com IA (Inteligência Artificial) e IAAS (infraestrutura como serviço).

Processadores da linha Xeon 9200 são os mais rápidas já lançados pela empresa, e a quantidade de canais de memória é o principal diferencial para o uso em Data Centers (Imagem: Intel)

Além dos novos processadores, a Intel também aproveitou o evento para revelar toda uma nova linha de produtos para Data Centers, como a memória persistente Intel com tecnologia Optane DC e soquete DIMM, SSDs, controladores de Ethernet e FPGAs Agilex de 10nm. O objetivo da empresa é não apenas apenas disponibilizar para esses Data Centers o novo processador, mas todas as peças necessárias para que esses computadores efetuem toda a operação em ambas as pontas do processo (servidor e usuário).

Além do processador, o mais importante desses dispositivos são, sem dúvidas, as memórias DIMM com tecnologia Optane DC. Bastante aguardadas pelos clientes da empresa, esse equipamento não apenas insere a Intel em todo um novo mercado como ainda possui o potencial para perturbar toda a atual hierarquia de memórias para Data Centers, podendo ser o principal diferencial que irá manter os processadores da Intel ainda mais interessantes do que os da AMD, que promete lançar nos próximos meses um processador para computadores de alto desempenho com 64 núcleos.

Fonte: Tom's Hardware

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.