Huawei desenvolverá processador capaz de dobrar desempenho dos aparelhos atuais

Por Ares Saturno | 20 de Junho de 2018 às 17h20
photo_camera B Mobiled
TUDO SOBRE

Huawei

A Huawei já havia anunciado seus projetos de desenvolver processadores mais poderosos para concorrer com as criações da Qualcomm. O Kirin 710 fará disputa com o Snapdragon 710, enquanto o Kirin 980, esperado para o lançamento no final de 2018, enfrentará o Snapdragon 845. Entretanto, novas informações indicam que a empresa não está focada apenas num futuro próximo, mas pensando no que virá em seguida.

De acordo com os relatórios apontados pelo site Phone Arena, a Huawei está desenvolvendo um chipset chamado de Kirin 1020 que terá foco nos smartphones que oferecerem suporte à tecnologia 5G. Esses aparelhos devem chegar ao mercado no final de 2019 e a empresa já está de olho em como poderá se destacar nesse contexto.

Para lidar com o avanço que os smartphones sofrerão até lá, uma preocupação plausível é o desempenho e potência dos aparelhos. E a Huawei está se esforçando nesse sentido: o novo Kirin 1020 será capaz de fornecer até o dobro de performance do atual Kirin 970, processador de ponta que virá no Huawei P20 e P20 Pro. Outro investimento em inovação para a marca tem sido solidificar uma rede de processamento neural em inteligência artificial e aprendizado de máquina.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Se analisarmos os cronogramas de lançamento do novo processador, é possível sonhar com razoável segurança que o Kirin 1020 possa vir no Huawei Mate 30 e no Mate 30 Pro, esperados para o lançamento a partir de outubro de 2019. Até lá, os lançamentos da marca virão com o Kirin 980, baseado no processo de 7 nanômetros.

Fonte: Phone Arena, MobileScout

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.