Embrapa fecha parceria com a Qualcomm para o uso de drones na agricultura

Por Redação | 01 de Julho de 2016 às 23h09
photo_camera Boa Vista Já

A tecnologia aplicada ao meio ambiente tem sido um dos grandes destaques nos últimos anos, e uma nova parceria prova que o Brasil não quer ficar para trás dos avanços. A novidade veio nesta quinta-feira (30) a partir de uma parceria anunciada em um evento em São Carlos (SP).

A Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) fez um acordo com a Qualcomm visando potencializar o uso de drones na agricultura. A ideia é que alguns processos sejam automatizados para melhorar a atividade agropecuária e reduzir o impacto ambiental das práticas.

Ladislau Martin Neto, diretor da Embrapa, explica que o uso da tecnologia poderá propiciar a melhora no desempenho dos sistemas agrícolas: “Essa parceria é fundamental para gerar oportunidade, para melhor gerenciamento de propriedade, identificar pragas, doenças, evitar uso excessivo de agroquímico. Isso traz redução de custo e do impacto ambiental.”

Com toda a rotina do campo, fica difícil acompanhar em tempo real tudo o que acontece na lavoura. Assim, a partir do uso de drones, será possivel facilitar o monitoramento para o grande e o pequeno produtor agrícola. De acordo com o presidente da Qualcomm, Rafael Steinhauser, “o drone tem uma câmera que capta a imagem, um processador de aplicativo, um processador gráfico, sensores, GPS e conectividade. O que a câmera capta é apresentado no tablet ou no smartphone do produtor agrícola”.

Como toda novidade, alguns ajustes serão necessários antes de sua implantação. O principal desafio será tornar a tecnologia mais acessível aos produtores, e para isso a aposta na parceria é exatamente conseguir reduzir os custos a partir da produção de drones aqui no Brasil. Após seu desenvolvimento, o sistema passará a ser testado no campo para medir o impacto econômico, social e ambiental da plataforma.

Fonte: G1

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.