ARM lança quatro novos processadores para smartphones intermediários

Por Felipe Ribeiro | 23 de Outubro de 2019 às 15h53
Gadgets to Use

A ARM lançou quatro novos chipsets preparados especialmente para celulares intermediários. O objetivo da empresa é proporcionar a este tipo de aparelho condições de rodar aplicativos e recursos em realidade aumentada, inteligência artificial, jogos e outras funções mais pesadas. São duas NPUs: a Ethos-N57 e a Ethos-N37; a GPU a Mali-G57 e a DPU Mali-D37.

As duas NPUs Ethos foram projetadas para permitir que dispositivos mais baratos acessem aplicativos de IA, machine learning e demais recursos sem afetar a eficiência da bateria, algo primordial em aparelhos em que o foco é o custo-benefício.

Já a GPU Mali-G57 permite jogos de alta qualidade, com gráficos comparáveis a consoles e interfaces 4K/8K em aparelhos de TV, com espelhamento. Este é, também, o primeiro chip baseado na arquitetura Valhall da empresa, que é a mesma arquitetura subjacente do Mali-G77, um processador premium da ARM. A empresa diz, também, que essa GPU oferece até 30% a mais de eficiência energética, 30% mais desempenho e 60% de melhorias quando levamos em conta as atividades de machine learning quando comparamos ao chip Mali-G52 anterior.

Imagem: ARM

Por outro lado, a unidade de processamento de telas (DPU) Mali-D37 foi projetada especificamente para hardware básico e sem dúvida será ideal para telas inteligentes, tablets e outras tecnologias domésticas. Este chip é capaz de exibir resoluções de até 2K.

A ARM ainda vai revelar mais detalhes dos chips, bem como quais aparelhos eles equiparão e a partir de quando.

Fonte: 9to5Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.