AMD supera Intel em vendas de processadores na Ásia e Europa

Por Rafael Arbulu | 16 de Julho de 2019 às 12h58
Tudo sobre

AMD

Saiba tudo sobre AMD

Ver mais

De acordo com levantamento feito pela empresa de análise de mercado Danawa Research, a AMD conseguiu superar a Intel no mercado asiático, tanto em número de vendas de processadores como em fatia de mercado (market share).

Segundo o levantamento, o lançamento da linha de processadores Ryzen 3000 deu à AMD um surto de unidades vendidas, superando os mais recentes chips Core da concorrente, levando a AMD a abocanhar 53,36% do mercado na região.

Mais além, números relacionados à busca online por processadores mostram que a AMD foi responsável por 76,95% do volume das pesquias, enquanto a Intel ficou com 23,05%.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.
Linha Ryzen de processadores da AMD parece estar tomando espaço da Intel nos mercados europeu e asiático

O problema: os números são baseados apenas em uma grande cadeia de lojas de informática, chamada Danwa. Por serem a fonte única (e não terem os números expressos abertos publicamente), o relatório pode conter falhas.

Um estudo de conclusões similares aponta o sucesso da AMD também na Europa, especificamente na Alemanha. Por meio de percentuais de venda da loja alemã Mindfactory, a AMD vendeu, em março, 69% de todas as CPUs do Velho Continente.

Em ambos os casos, parece que há um reflexo da empolgação do mercado consumidor em relação à linha AMD Ryzen 3000. Ademais, a empresa vive um ótimo momento, assegurando parcerias comerciais com diversas fabricantes e posicionando suas criações para além dos PCs: os processadores AMD devem figurar na próxima geração de consoles de videogame: o até agora chamado PlayStation 5, da Sony, e o próximo Xbox, que a Microsoft apelidou de “Project Scarlet”.

Mas as fontes não são numerosas, então ninguém vai culpá-lo se você manter o famoso “pé atrás”.

Fonte: Techradar (1) (2)

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.