Já estão desenvolvendo um pirulito digital capaz de simular sabores

Por Redação | 25.11.2013 às 19:02

Quantas lambidas serão necessárias para se chegar ao final de um pirulito digital? Essa é a questão que você pode estar fazendo a si mesmo em breve graças a uma equipe de pesquisadores da Universidade Nacional de Singapura, que está desenvolvendo um pirulito digital capaz de simular sabores.

A tecnologia usada no novo dispositivo é, relativamente, simples. Quando o pirulito, feito de um eletrodo de prata, toca a ponta da língua, ele reproduz quatro sabores bem conhecidos: salgado, doce, azedo ou amargo. Combinando esses quatro sabores é possível criar diferentes simulações próximas do gosto real.

A pesquisa está sendo liderada por Nimesha Ranasinghe, pesquisador Ph.D do departamento de eletrônica e engenharia computacional da Univesidade. Ele espera que, no futuro, as pessoas possam lamber suas televisões ou smartphones para provar o sabor de gostos virtualmente.

Mr. Ranasinghe disse ao New Scientist em uma entrevista na semana passada que os receptores gustativos de uma pessoa são enganados através da variação de corrente alternada do pirulito e de rápidas e bruscas mudanças na temperatura. O projeto já está sendo desenvolvido há um ano, e um protótipo dele foi apresentado na AMC Multimedia Conference, na Espanha, no mês passado.

Pirulito Digital

Pirulito Digital em testes

Ainda é muito cedo para alguém querer sair lambendo o seu iPhone e sentir gosto de sorvete de morango ou uma barra de chocolate. Os pesquisadores ainda precisam adicionar mais sabores simulados ao aparelho, incluindo mais sabores doces e adocicados, além de colocarem cheiro e textura, o que ajudaria a enganar o cérebro fazendo-o acreditar que o sabor é real.

Se o trabalho experimental funcionar e assumindo que ele não seja muito caro para produzir, existirão muitas possibilidades para o uso, diz Mr. Ranasinghe. “Em um ambiente de jogo, nós podemos criar um novo sistema de recompensas baseado em sensações de sabores”, disse. “Por exemplo, se você completar uma tarefa do jogo com sucesso, ou passar de fase, nós podemos lhe dar uma recompensa doce, mentolada ou azeda. Se você falhar, nós podemos lhe enviar uma mensagem amarga”.

Além dos games, o pesquisador prevê outras possibilidades de uso do pirulito digital. Por exemplo, anunciantes podem incluir o sabor do produto em suas propagandas para a TV ou para o PC. Os filmes podem se tornar mais interativos, permitindo que as pessoas sintam o gosto da comida que o ator está comendo. A tecnologia pode até mesmo ter uso médico, permitindo que pessoas com diabetes possam, por exemplo, sentir o gosto de doces sem prejudicar o nível de açúcar no sangue.