Conheça a nova geração de processadores Qualcomm para smartphones

Por Pedro Cipoli | 22 de Maio de 2014 às 12h44

A Qualcomm anunciou uma nova linha de chips para smartphones que contará com os novos Cortex fabricados pela ARM. Segundo informações do Digitimes, o modelo Snapdragon 615 virá com 8 núcleos Cortex-A53 com velocidade ainda não definida, mas que provavelmente não será tão alta quanto a dos modelos Snapdragon 801 que equipam o Galaxy S5 (quad-core de 2,5 GHz) e Xperia Z2 (quad-core de 2,3 GHz), já que são voltados para o segmento intermediário,. A ideia, nesse caso, é competir diretamente com a Mediatek, que vem crescendo bastante nos últimos anos, e com a linha Exynos da Samsung.

snapdragon

Para o usuário final, essa novidade é mais interessante do que pode parecer, especialmente se levarmos em consideração as características do Cortex-A53. Mesmo os modelos mais avançados disponíveis atualmente no mercado utilizam basicamente o mesmo tipo de núcleo (o Cortex-A7 ou Cortex-A9), cuja diferença de desempenho é exclusivamente por conta de quantos GHz e qual GPU é utilizada. O mesmo acontece com o consumo de energia, já que mesmo que diferentes fabricantes como Qualcomm, Samsung e Mediatek deem nomes diferentes para seus chips, o núcleos são basicamente os mesmos.

Há algum tempo publicamos um artigo explicando as características de cada tipo de Cortex,. Nele, dissemos que o Cortex-A7 oferece um bom equilíbrio entre consumo e desempenho e por isso é implementado na maioria dos Snapdragons atuais. O Cortex-A53, por sua vez, será implementado no Snapdragon 615 e substituirá o Cortex-A7, trazendo não só mais desempenho como também consumindo menos energia. Essa característica fará com que todos os modelos que forem lançados com esse chip tragam mais desempenho mesmo com velocidades menores, além de fornecer maior autonomia de bateria.

Qualcomm Snapdragon

Capacidade das câmeras da nova geração dos novos processadores Snapdragon

Outras novidades incluem o suporte ao padrão 4G LTE categoria 4 de fábrica, GPU Andreno 405, e suporte ao novo conjunto de instruções ARMv8, atualmente encontrado no chip Apple A7 do iPhone 5S. Ele possui capacidade de trabalhar com sistemas 64 bits, além de suportar mais do que 4 GB de memória RAM. Apesar disso, é provável que o chip continue executando sistemas 32 bits já que o Android ainda não trabalha com 64 bits.

Segundo o Android Authority, a Qualcomm também pretende lançar mais dois processadores neste ano, provavelmente no último trimestre, mas voltados para o segmento high-end. Um deles será um hexa-core, o Snapdragon 808, que trará dois núcleos Cortex-A57 e quatro núcleos Cortex-A53; e o outro um octo-core, o Snapdragon 810, com quatro núcleos Cortex-A57 e quatro núcleos Cortex-A53. A diferença é que eles usarão a arquitetura big.LITTLE, o que significa que somente um tipo de núcleo ficará ativo para economizar energia – uma abordagem já utilizada pela linha Exynos 5 da Samsung.

Qualcomm Snapdragon

Recursos suportados pelo Snapdragon 810, que possivelmente trará memórias LPDDR4, recursos otimizados para câmeras 4K e GPU Adreno 430

Por serem modelos voltados para usuários avançados, eles provavelmente operarão em velocidades muito maiores, além de trazerem uma versão mais potente da série Adreno 400 (420 ou 430). Ambos também são processadores de 64 bits e equiparão modelos topo de linha assim que o Android for portado para suportar esse novo conjunto de instruções.

Enquanto o Snapdragon 615 já entrou em produção na TSMC em um processo de 28 nm, o Snapdragon 808 e o Snapdragon 810 foram apenas anunciados, não havendo data certa para seu lançamento. A única certeza que se tem, por enquanto, é que eles serão fabricados em litografia de 20 nm.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.