AMD não tem notícias muito boas sobre o mercado de PCs

Por Redação | 23 de Julho de 2012 às 08h15
photo_camera divulgação

Rory Read, CEO da AMD (Advanced Micro Devices), segunda maior fornecedora de processadores para PCs, fez declarações um tanto quanto assustadoras a respeito do mercado de PCs.

"Pela primeira vez desde 2001, as vendas de PCs caíram sequencialmente por três trimestres consecutivos e têm ficado abaixo das médias históricas nos últimos sete trimestres", disse Rory ao CNet News logo após anunciar o balanço da empresa no último trimestre.

A Intel, maior fabricante de processadores do mundo, não obteve resultados tão negativos quanto a AMD; No início dessa semana, seu CEO, Paul Otellini, disse que este ano espera um crescimento de 3% a 5%.

Esta declaração do diretor-executivo da AMD não é o único indício de que as coisas vão mal no mercado de PCs. Segundo um analista da Piper Jaffray, esses podem ser sinais de uma "era pós-PC". Os consumidores estariam priorizando smartphones e tablets. Já vimos aqui no Canaltech que uma pesquisa realizada pela Gartner apontou que os consumidores estão mais interessados em comprar esse tipo de gadget do que gastar seu dinheiro com PCs.

Será realmente o início do fim ou ainda existem chances de uma volta por cima?

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.