AMD introduz o conceito de Heterogeneous Uniform Memory Access

Por Redação | 02 de Maio de 2013 às 09h20

Quem possui uma máquina sem placa de vídeo dedicada está acostumado a ver uma porção de sua preciosa memória RAM sendo alocada para a placa de vídeo onboard. No caso das APUs da AMD, por exemplo, esse número pode ser entre 256 MB e 1 GB dependendo da quantidade instalada, o que degrada um pouco o desempenho bruto, afinal ela está dividida em duas unidades de processamento. Mas, até então, era a melhor solução disponível para fazer com que tanto CPU quanto GPU funcionassem sem problemas.

01

Segundo o site Tweaktown, a AMD parece ter solucionado esse problema com um conceito chamado Heterogeneous Uniform Memory Access (hUMA), que possibilita que a CPU, GPU ou qualquer outro processador compartilhe a memória RAM com todas essas unidades de forma harmônica, onde o chip que puder processar melhor os dados simplesmente acessa o endereço de memória correspondente e realiza os cálculos necessários.

Explicando de uma maneira mais simples, dados complexos são voltados para a CPU e grandes volumes, como jogos ou vídeo, para a GPU, mas até então cada um desses chips acessava diferentes porções da memória e não "conversavam" um com outro. Com o hUMA, a memória total do sistema ficará disponível para ambos, de forma que cada um deles irá acessar o endereço de memória com os dados mais direcionados a ele. Isso faz com que o desempenho geral fique não só mais eficiente, mas também precise de menos energia para trabalhar.

02

O mais interessante dessa tecnologia é que ela é invisível para o usuário e o programador, e no caso deste último, dá um ajuda no desenvolvimento dos seus programas por não precisar de trechos de código que especifiquem onde o processamento deverá ocorrer - tudo é feito via hardware. Embora ainda não possamos testar essa técnica e não sabermos quando ela será implementada, podemos especular que melhorará significativamente o desempenho das APUs da empresa, chips que trazem CPU e GPU em um único envelope e compartilham o mesmo sistema de memória.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.