AMD aposta no Brasil

Por Redação | 08.11.2012 às 15:13
photo_camera divulgação

Bons ventos trazem novidades para nós, brasileiros. Como parte de uma reestruturação de suas operações globais, a AMD, fabricante de processadores e placas gráficas, anunciou que a América Latina passará a atuar como uma Mega Região para a corporação.

Graças a essa mudança, as operações por aqui deixam de fazer parte do que a empresa classificava como Américas. Agora, o vice-presidente da AMD América Latina e presidente da AMD Brasil, Ronaldo Miranda, assume a posição de MRVP (Mega Region Vice President ou, em português, Vice-Presidente para Mega Região) e passa a reportar-se ao CSO (Chief Sales Officer) da companhia, John Byrne.

Atualmente, as operações da AMD estão divididas em cinco Mega Regiões: América do Norte, China, Ásia, EMEA (Europa, Oriente Médio e África) e, agora, América Latina.

Nomear a América Latina como uma Mega Região da AMD foi uma decisão motivada pelos resultados obtidos nos países latino-americanos nos últimos anos. E para ilustrar ainda melhor este quadro, apenas no Brasil, que hoje é considerado um dos mercados-chave para a AMD no mundo todo, a empresa ampliou em mais de 35% seu market share em 12 meses (de acordo com dados da empresa de pesquisas GfK).

A AMD tem agora a pretensão de alcançar 30% de participação de mercado até o final de 2012, contra 18,9% contabilizados em dezembro de 2011, o que é uma boa notícia para os profissionais de TI do nosso país.

“O fato de a AMD ter nomeado a América Latina como uma Mega Região global num momento delicado da economia e do mercado mundial reflete a importância que a América Latina, e em especial o Brasil, está tomando no cenário mundial e demonstra que o bom trabalho que vem sendo realizado na região deve se amplificar ainda mais”, afirma Ronaldo Miranda, vice-presidente da AMD América Latina e presidente da AMD Brasil.

“Ao mesmo tempo, o fato de nos reportarmos diretamente ao board da companhia dá ainda mais visibilidade para a região e abre mais oportunidades de investimentos”, complementa.

Investimentos no Brasil

O Brasil tem merecido uma atenção especial da corporação, já que tem se mostrado um dos mercados prioritários para a AMD em todo o mundo. Em outubro, a AMD Brasil anunciou sua primeira grande campanha integrada de marketing. A ação, batizada de “Sem AMD, Tô Fora!”, inclui filmes e ações em salas de cinema, atividades no ponto de venda, propaganda online e impressa, ações no Facebook e Twitter e uma promoção de vendas.

“Essa campanha reflete esse novo momento da AMD no Brasil. A empresa, que sempre teve uma postura discreta, quer reforçar suas ofertas e sua imagem no mercado. Nós hoje temos a melhor tecnologia em processadores acelerados e placas gráficas para computadores e a ideia é comunicar isso de forma adequada aos usuários”, ressalta Ronaldo Miranda.