Visitantes de site de pornografia infantil na Dark Web sofrem ataque

Por Redação | 01 de Dezembro de 2016 às 13h29

Um site de pornografia infantil chamado Giftbox está atacando seus usuários que usam o navegador Tor. De acordo com relatos, um exploit está presente na página inicial do site, dando aos hackers um ambiente propício para infectar o computador de quem visitá-lo.

Ainda não está claro qual é a pretensão dos atacantes com este exploit de JavaScript, ou o que ele pode ter feito na máquina dos usuários infectados, mas o que sabemos é que exploits têm sido usados por autoridades para rastrear pessoas que visitam sites ilegais.

O exploit em questão, não ataca propriamente a rede Tor, que é usada para navegar anonimamente na internet, mas sim o navegador Tor, uma versão modificada do Firefox projetada para acessar sites exclusivos da rede de anonimato.

Apesar de não existir evidências sobre quem está por trás do ataque, as táticas utilizadas são muito parecidas com uma série de operações recentes do FBI, que em 2014 assumiu o controle de um site de pornografia infantil chamado Playpen. Em vez de derrubar a página, os agentes a usaram para rastrear seus visitantes, identificá-los e processá-los.

Como já vimos aqui no Canaltech, um exploit geralmente é uma sequência de comandos, dados ou uma parte de um software elaborados por hackers que conseguem tirar proveito de um defeito ou vulnerabilidade. O objetivo, neste caso, é causar um comportamento acidental ou imprevisto na execução de um software ou hardware, tanto em computadores quanto em outros aparelhos eletrônicos.

Para fins maléficos, um exploit pode dar a um cracker o controle de um sistema de computador, permitindo a execução de determinados processos por meio de acesso não autorizado a sistemas, ou ainda realizar um ataque de negação de serviço.

Via Motherboard

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.