Falha operacional pode ter levado ao vazamento de ferramentas da NSA

Por Redação | 23 de Setembro de 2016 às 12h56
photo_camera Divulgação

O vazamento de ferramentas de espionagem da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos ainda está dando o que falar. Agora, tudo levar a crer que um dos agentes da NSA foi descuidado e deixou os programas disponíveis em um computador remoto, onde hackers russos conseguiram encontra-los.

A teoria foi divulgada pela agência de notícias Reuters, que alega ter conversado com quatro pessoas familiarizadas com o caso. As ferramentas em questão permitem aos hackers explorar falhas de software em computadores e sistemas de comunicação de empresas como Cisco e Fortinet.

No mês passado, um grupo que se autodenomina Shadow Brokers liberou os recursos em alguns sites públicos. A divulgação coincidiu com uma acusação realizada por autoridades norte americanas, que alegam ter certeza de que os russos foram os responsáveis pela ação hacker em organizações partidárias nos preparativos para as eleições presidenciais dos EUA.

Em relação ao vazamento das ferramentas, várias hipóteses foram levantadas. Primeiro, especulava-se que elas haviam sido roubadas, depois o temor era de que um caso semelhante ao de Edward Snowden tivesse acontecido novamente. Algumas autoridades suspeitavam até mesmo de uma possível invasão física à sede da NSA, em Maryland.

O FBI agora está à frente das investigações, e alguns relatos de funcionários da Agência indicaram que o erro foi cometido por um membro da equipe ou um contratante há cerca de três anos, durante uma operação onde as ferramentas foram usadas. O funcionário distraído assumiu o erro, mas a NSA não informou as empresas sobre o perigo da exposição de suas ferramentas. Agora, elas correm atrás do prejuízo lançando diversas atualizações de segurança.

Fonte: Reuters

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.