Ex-CEO da Yahoo culpa a Rússia por ciberataques que afetaram a empresa

Por Redação | 09 de Novembro de 2017 às 10h23
photo_camera Today
TUDO SOBRE

Yahoo

Marissa Mayer, ex-CEO da Yahoo, acusou a Rússia pelos ataques ocorridos na empresa em março deste ano e em 2014. A executiva se pronunciou sobre o assunto nesta quarta-feira (08) em depoimento à Justiça, juntamente com o ex-CEO da Equifax e o executivo sênior da Verizon, que agora é detentora da Yahoo.

Mayer aproveitou para pedir desculpas aos afetados:

"Como CEO, esses roubos aconteceram durante a minha posse e eu quero pedir as mais sinceras desculpas para cada um de nossos usuários", disse.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Em seguida, ela acusou agentes russos pela invasão:

"Infelizmente, enquanto todas as nossas medidas de proteção nos defenderam contra a ameaça de ataques de hackers privados e patrocinados pelo Estado, agentes russos invadiram os sistemas, roubando os dados de nossos usuários", acusou.

Ataques

A falha acontecida em março surgiu como uma consequência de outro ataque ocorrido no final de 2014, considerado o maior caso de vazamento de dados da história, afetando cerca de três bilhões de usuários.

Neste ano, os invasores se aproveitaram de cookies falsos para acessar as contas dos usuários, deixando informações importantes vulneráveis a ataques maliciosos. O caso foi investigado pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos, que acusou dois espiões russos e dois crackers.

Apesar de ter a sua carreira abalada pelos ataques, Mayer foi uma CEO significativamente importante para a companhia. Mas em junho de 2017, três meses após o último ataque, ela deixou a empresa que, no mesmo mês, foi comprada pela Verizon. 

Agora a Yahoo faz parte da divisão de conteúdo para a internet Oath, que já conta com a participação do HuffPost, TechCrunch, Endgaget e Tumblr.

Fonte: Reuters, Daily Mail

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.