Campeonato mundial de Dota 2 sofre atraso por causa de ataques DDoS

Por Redação | 06 de Agosto de 2015 às 09h57

Para quem achava que os infames ataques de negação de serviço, os famosos DDoS, eram apenas incômodos inofensivos feitos por hackers que não tinham mais o que fazer da vida, parece que chegou a hora de rever seus conceitos. Esse tipo de ação pode não ser tão danoso quanto uma invasão, mas certamente garante tantas dores de cabeça quanto — como a Valve bem experimentou recentemente.

Durante a realização do The International 5, o maior campeonato de eSports do mundo, a empresa se viu obrigada a adiar algumas partidas de Dota 2 por conta desses ataques. Por mais que isso pareça pouca coisa, vale lembrar que a competição reúne jogadores do mundo inteiro para disputar prêmios de US$ 18 milhões.

Isso faz com que um simples atraso como esse tenha consequências enormes, uma vez que atrapalha todo o cronograma original, além de abalar emocionalmente os competidores.

Em um dos casos, a partida entre Evil Geniuses e compLexity Gaming realizada nesta terça-feira (04) teve que ser adiada em três horas por conta do lag absurdo e demais problemas de conexão que as equipes enfrentaram. Foi somente quando a organização percebeu que tudo aquilo era fruto de um ataque DDoS e decidiram interromper a disputa até que a situação se normalizasse.

Tanto que a própria Valve anunciou durante o evento que eles estavam sendo alvos de hackers e pediu paciência para que os jogadores e o público que acompanhava a competição, seja no local ou pelos streamings, tivessem paciência até que tudo voltasse ao normal. Mesmo que isso não tenha trazido nenhum prejuízo real à companhia, certamente foi algo que não só atrapalhou seus planos como ainda mostrou o quanto os grandes torneios de eSport estão vulneráveis.

Talvez o acontecido sirva de lição para que a empresa pense em soluções para impedir que episódios como esse se repitam. Como destaca o site Digital Trends, praticamente nenhum dos jogos atuais — incluindo o próprio Dota 2 — conta com suporte a rede local, o que faz com que todas as partidas dependam da internet, mesmo com todo mundo dividindo o mesmo espaço. Assim, diante do incômodo causado pelo DDoS, a Valve pode repensar a situação para, quem sabe no futuro, trazer uma opção de LAN ao jogo em uma atualização.

Via: Digital Trends

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.