Anonymous convoca internet para dia da zoeira contra o Estado Islâmico

Por Redação | 11.12.2015 às 12:18

E a guerra entre o Anonymous e o Estado Islâmico continua. Depois de uma série de ataques a perfis no Twitter e outros meios de comunicação usados pelo grupo extremista — alguns não tão precisos assim, diga-se de passagem —, os ciberativistas elegeram esta sexta-feira, 11 de dezembro, como a data para uma grande investida contra seus novos inimigos. Para isso, eles escolheram a arma definitiva da internet: a zoeira.

Em uma publicação no Ghostbin, os hackers pedem que a comunidade ajude nessa batalha e explica como as trolladas podem ser usadas contra os terroristas. Segundo o Anonymous, o Estado Islâmico atua com base em ações violentas a fim de amedrontar as pessoas para, com isso, silenciá-las. Assim, ao convocar a internet a fazer piadas e a zoar o grupo radical, eles querem mostrar que a estratégia do terror e do medo não está funcionando e que, no máximo, o EI conseguiu virar alvo de chacota.

Como é possível se alistar e travar esse confronto? O Anonymous apresenta várias maneiras com que os soldados online podem tirar sarro dos extremistas, mas a mais efetiva delas é contribuir com a zoeira nas redes sociais utilizando a hashtag #Daesh e #Daeshbags, em referência ao termo usado no Oriente Médio para identificar o Estado Islâmico. Como pode ser visto, a própria tag já conta com um xingamento para mostrar que ninguém está mesmo levanto os radicais a sério.

Protesto Anonymous

Os hackers pedem para que as pessoas façam vídeos tirando sarro dos terroristas e que também imprimam fotos e montagens e as espalhem pelas suas cidades para que essa ação não se limite apenas à internet, mas se estenda para fora dela. A única recomendação, porém, é que você não faça algo ambíguo e que possa ser interpretado como um tipo de apoio ao terrorismo ou coisa parecida. Ainda que no Brasil isso não tenha grandes reflexos, alguém pode acabar sendo preso caso isso aconteça nos Estados Unidos ou na Europa, onde a preocupação com o terrorismo e seus simpatizantes é uma constante.

Mesmo que toda essa operação contra o Estado Islâmico esteja de acordo com tudo aquilo que o Anonymous vem fazendo ao longo das últimas semanas, é sempre preciso ter muito cuidado. Como o site The Next Web aponta, é sempre muito difícil confirmar a origem desses movimentos, uma vez que esses ativistas agem de maneira muito dispersa, o que pode ser usado também pelo outro lado dessa guerra. Assim, a criação de pontos de encontro na América do Norte e na Europa é algo que já vem despertando a desconfiança de muita gente.

De qualquer forma, vale destacar mais esse esforço do Anonymous em sua batalha contra os terroristas, que agora começa a dar sinais de que vai deixar de ser algo limitado apenas à internet para tomar também as ruas. Resta saber o que vem em resposta a isso tudo.

Via: The Next Web