Contas hackeadas de usuários do Twitter são vendidas em fóruns na web

Por Redação | 05.10.2012 às 13:59

Alguns usuários do Twitter descobriram nesta semana que suas contas foram hackeadas e que, agora, estão sendo vendidas em sites e fóruns. E um software, que também está sendo vendido, promete hackear e bloquear inúmeras senhas e logins do microblog. As informações são do Huffington Post.

O usuário Eric Weaver, dono do @weaver, afirmou à publicação que tentou acessar sua conta nos últimos meses e descobriu que sua senha havia sido alterada e que seu perfil estava sendo vendido em um fórum online, intitulado HackForuns.net.

Depois de ter sua conta invadida, Eric afirmou que conseguiu descobrir a identidade da pessoa que roubou sua conta - um rapaz de 20 anos morador de Miami, Flórida. Logo em seguida, o usuário contatou o Twitter sobre o incidente e ainda levou três semanas para ter o poder sobre o seu perfil de volta.

"Os meus seguidores no Twitter são amigos e colegas de trabalho", ressaltou. "Eles ficaram confusos sobre o meu súbito interesse por unhas, cabelo e R&B".

Weaver não é o único usuário do microblog alvo dos hackers. Outros usuários relataram ter descoberto que suas contas eram vendidas no ForumKorner.com e no HackForuns.net, onde os arrobas mais cobiçados formados por uma única palavra são vendidos por apenas US$ 10 (cerca de R$ 20).

O usuário Daniel Dennis Jones, dono do @blanket, relatou sua experiência em uma postagem no Storify. Ele afirma que entrou em contato com o hacker que conseguiu o acesso ao seu perfil. O invasor se apresenta como um adolescente de 14 anos do estado de Dakota do Sul, nos Estados Unidos, e depois do contato, Jones conseguiu obter novamente os direitos sobre sua conta.

Hacker

Os hackers conseguem mascarar o endereço de IP devido a uma falha no Twitter

Ainda em sua postagem, Jones afirma que o jovem hacker lhe confirmou que eles são capazes de mascarar o endereço do seu IP e de sua localização a partir de um brecha de segurança do Twitter.

Em agosto deste ano, o repórter de tecnologia Mat Honan relatou como sua vida digital foi destruída depois de hackers terem invadido seu perfil, devido ao seu arroba curto e único: @mat. Ao invés de tentar vender sua conta, os hackers utilizaram o seu arroba como uma plataforma para difundir mensagens racistas e homofóbicas na rede.

O Twitter ainda não se pronunciou a respeito de uma possível falha no sistema.