STJ vai comprar 12 iMacs com tela Retina 5K e configuração máxima; PARA QUÊ?

Por Redação | 18 de Janeiro de 2017 às 19h03

Parece que de computador o Superior Tribunal de Justiça (STJ) não anda a pé. De acordo com a revista Época, o órgão decidiu fechar um contrato para comprar 12 computadores da Apple, por módicos R$ 339 mil (trezentos e trinta e nove mil!). A pergunta que o contribuinte faz em momentos como este é "para quê?", mas segundo justifica o próprio Tribunal, os iMacs têm "melhor performance na edição de imagens em alta resolução". E a compra não foi feita por um mirim: os computadores têm Magic Mouse 2, Magic Keyboard, Apple Care e tudo mais.

Segundo a própria licitação, os modelos são iMacs com tela Retina 5K, com o maior poder de fogo possível. Ou seja: além de serem parrudos até não ter mais jeito, os 12 computadores ainda foram personalizados no site da Apple com tudo a que tinham direito: 32GB de RAM, processador Intel Core i7 quad-core e placa gráfica AMD Radeon R9 M395X com 4GB. Já falamos do Apple Care? Pois é, o plano de proteção adicional da Apple também entrou no carrinho (mesmo que pareça ser algo já oferecido pela Apple para quem gasta um valor desses em um iMac).

Apesar de tantos detalhes, o documento não especificou quanto cada máquina teria de armazenamento. Decidimos simular no próprio site da Maçã para, no final, fazer as contas. As opções com tela Retina 5K são válidas apenas para o iMac de 27 polegadas, que sai a partir de 13.899. Mas como a licitação aponta armazenamento em flash, decidimos já chutar o balde escolhendo o modelo mais caro, afinal de contas, o STJ precisa de um excelente computador para editar suas produções cinematográficas, não é mesmo?

No final, a brincadeira toda saiu por R$ 31.097 (a prazo) com Apple Care e tudo. Um valor bem próximo do que gastou o órgão em sua compra — e rendeu um bom desconto no final para agradar ao freguês que compra à vista.

Se aplicado o desconto, cada computador sai pelo valor de 27.987,30 à vista. Multiplicado por 12, o resultado é de R$ 335.847,60. Bem próximo dos R$ 339 mil informados pelo governo. E curiosamente, o STJ não comprou o Final Cut Pro X, oferecido no pacote, para usar na edição de suas obras de arte.

Lembrando mais uma vez que a nossa simulação foi feita como se fôssemos comprar tudo de melhor que a Apple oferece no site:

  • Intel Core i7 quad core de 4,0GHz (Turbo Boost de até 4,2GHz)
  • 32GB de SDRAM DDR3, 1867MHz - quatro de 8GB
  • 1TB de armazenamento flash
  • AMD Radeon R9 M395X com 4GB de memória de vídeo
  • Magic Mouse 2 + Magic Trackpad 2
  • Magic Keyboard (inglês) e guia do usuário (português)
  • Kit de Acessórios

De agora em diante, vamos aguardar pelas superproduções do STJ em 4K no YouTube. Ou quem sabe no cinema?

Fonte: Época, STJ

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.