Governo vai repassar mais de R$ 1 bilhão ao MCTIC

Por Redação | 10.06.2016 às 18:00

O ministro Gilberto Kassab anunciou que o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) receberá R$ 1,4 bilhão do governo. A autorização foi dada pelo Congresso Nacional com o intuito de reduzir a meta fiscal de 2016 e permitir que o governo federal feche o ano com um déficit de até R$ 170,5 bilhões nas contas públicas. Se for confirmado, será o pior resultado da série histórica iniciada em 1997.

No início deste ano, a equipe econômica de Dilma Rousseff cortou R$ 1,08 bilhão do orçamento do Ministério a fim de tentar conter o rombo nas despesas do Estado. Deste novo montante, Kassab afirma que R$ 1 bilhão vai para compor as atividades de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I). Já os outros R$ 400 milhões restantes são para o projeto Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações (SGDC-1). De acordo com o ministro, sua prioridade é recompor o orçamento público para investimentos em CT&I.

O projeto SGDC-1 segue em desenvolvimento na França e possui um orçamento total de R$ 1,8 bilhão, com a participação de técnicos brasileiros. O Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações terá como principal foco trazer segurança às comunicações estratégicas e militares do governo e, principalmente, cumprir os objetivos do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL) para levar internet de alta velocidade a regiões isoladas, como municípios da Amazônia.

Além disso, a pasta pretende desbloquear os recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT). “Vamos trabalhar para mostrar a importância dos recursos contingenciados do FNDCT. A ideia é mostrar que as nossas áreas têm sido colocadas num patamar inferior àquilo que recomenda o bom senso. Os recursos bloqueados são bem menores quando comparado aos de outras áreas e são significativamente mais importantes”, disse Kassab.

Via: Agência Gestão CT&I