Governo de SP quer modernizar iluminação pública usando criptomoedas

Por Redação | 19 de Dezembro de 2017 às 16h04

Na semana passada, o Governo do Estado de São Paulo assinou uma parceria com a empresa privada CG/LA Infrastructure, dos Estados Unidos, para concretizar o projeto Ilumina SP. A ideia é modernizar a iluminação pública do estado por meio de um financiamento com a criptomoeda BuildCoin.

Serão escolhidas cidades com mais de 100 mil habitantes para os estudos, que sejam interessantes para a iniciativa privada, gerando receita aos municípios, reduzindo custos e melhorando este serviço à população.

“Uma grande preocupação do Estado de São Paulo é que as diferentes cidades que implementarem a PPP (Parceria Público-Privada) façam com a mesma linguagem ou com linguagem compatíveis. Porque quando se tem esse conceito de cidades inteligentes, que inclui além de energia, o Wi-Fi e também sistema de monitoramento por câmera, se cada um fizer de uma maneira, acabamos perdendo uma oportunidade de ter uma informação integrada e com isso melhorar os serviços públicos, inclusive do Estado, como a segurança pública e gestão de congestionamento”, explicou Karla Bertocco, subsecretária de parcerias e inovação.

A CG/LA, além de financiar o projeto com moedas virtuais, também doará os estudos ao Estado que, por sua vez, oferecerá a consultoria gratuita às prefeituras. Espera-se investir até US$ 1 milhão na contratação de serviços técnicos nos municípios para que se consiga identificar a real necessidade de infraestrutura, além da padronização de documentos licitatórios. “Vamos fazer um conjunto de estudos que inclui todo trabalho de engenharia, infraestrutura existente, tecnologia viável, toda parte financeira e entregar para os municípios que quiserem implantar”, contou Bertocco.

No modelo atual, os municípios são os responsáveis pela instalação e manutenção da iluminação pública, mas, por falta de recursos, é muito comum que esse serviço prestado seja ineficaz, gerando problemas de segurança e gastos elevados. Com o Ilumina SP, o governo pretende apoiar os municípios para que consigam reestruturar essas soluções.

A lista com os municípios escolhidos será anunciada em 90 dias, junto a um plano de trabalho para que se confeccionem os modelos da nova iluminação pública. A previsão de conclusão do projeto é de seis a oito meses.

Fonte: Governo do Estado de SP

Participe do nosso grupo de ofertas no Facebook e tenha acesso aos melhores descontos e cupons para você garantir sempre o menor preço em suas compras online.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.