Siga o @canaltech no instagram

França cria lei para proteger suas redes 5G de supostos espiões da Huawei

Por Rafael Rodrigues da Silva | 25 de Janeiro de 2019 às 16h03
Tudo sobre

Huawei

Saiba tudo sobre Huawei

Ver mais

Nesta sexta-feira (25) a França anunciou que está aumentando a segurança de seu sistema de infraestrutura em telecomunicações para a próxima geração de redes a serem instaladas no país, as tão esperadas redes 5G. As medidas foram reveladas nesta sexta, em uma emenda à legislação vigente que foi apoiada pelo governo.

Segundo o texto da emenda, a nova legislação vai exigir que operadoras de telefonia busquem aprovação formal do Congresso para o uso de certos tipos de equipamentos que, devido à função que exercem na rede, podem também ser usados para espionar ou ainda sabotar as redes de comunicação do país.

Ainda que o ministro das finanças diga que a medida não visa nenhuma empresa em específico, a emenda é aprovada em um momento em que a cada dia cresce a insegurança para com os equipamentos da Huawei, com diversas alegações de que a empresa tem sido usada pelo governo chinês para espionar outras regiões, e países como os Estados Unidos, a Austrália e a Nova Zelândia (todos aliados políticos da França) já criaram leis que impedem que os produtos da Huawei sejam utilizados para a instalação de redes 5G nesses territórios.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Já na quarta-feira, o ministro das Relações Exteriores do país, Jean-Yves Le Drian, revelou em entrevista que sabia dos riscos inerentes ao uso de equipamentos da Huawei na instalação de redes de telefonia, e que o governo já estava trabalhando em medidas de proteção contra este tipo de espionagem.

Fonte: Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.