Empresa que seleciona músicas para o Metrô de SP recebe R$ 40 mil por mês

Por Ares Saturno | 12 de Julho de 2018 às 11h24

Desde a sexta-feira passada (6), o projeto Metrô + Música reproduz mais de 200 canções de jazz, bossa nova, MPB, samba e clássica nos serviços das linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha do metrô da capital de São Paulo. Visto como uma melhoria no cotidiano da população por uns, o projeto acaba de ser questionado por cidadãos indignados que descobriram que a empresa responsável pela seleção das músicas, a Icult, recebe quase R$ 40 mil mensais do Governo do Estado de São Paulo pelo serviço prestado.

A empresa contratada para criar a seleção de músicas se chama Instituto de Cultura e Cidadania - Icult e é cadastrada como uma ONG sediada na Avenida Paulista, aberta desde 2004, com atuação em atividade de organizações associativas ligadas à cultura e à arte. A construção de playlists musicais consiste em atividade artística, o que, no Brasil, dispensa licitações para prestação de serviços para os governos.

Não se sabe, ainda, as razões para um valor tão alto. Alguns internautas no Twitter abriram a possibilidade de os gastos serem de quase R$ 40 mil mensais devido a direitos autorais pagos em favor dos artistas reproduzidos, mas a indignação geral mostra que a prática está sendo considerada superfaturamento pela população. Além do gasto de dinheiro público, críticos do projeto Metrô + Música também levantam a discussão de que a reprodução de música nos metrôs atrapalham a acessibilidade de pessoas com deficiências visuais, que necessitam dos avisos auditivos para se guiarem nas estações e vagões.

Assista Agora: Saiba quais são os 5 maiores problemas das empresas brasileiras e comece 2019 em uma realidade completamente diferente.

Uma petição pública foi criada para interromper o projeto Metrô + Música, mas iniciativas populares estão se organizando para questionar a parceria do governo com a Icult formalmente.

Fonte: Bom Dia SP

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.