Anatel aprova consulta pública para ampliação da velocidade de redes sem fio

Por Rafael Rodrigues da Silva | 26 de Agosto de 2019 às 17h30
Reprodução
Tudo sobre

Anatel

Saiba tudo sobre Anatel

Ver mais

Na última quinta-feira (22) o Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou em levar para consulta pública e reavaliação alguns pontos do Regulamento sobre Equipamentos de Radiocomunicação de Radiação Restrita (RERR). O principal ponto desta nova consulta será sobre regulamentar a operação do padrão IEEE 802.11ad no Brasil.

Este padrão é destinado principalmente a aplicações de redes pessoais sem fio (WPAN), além de outras redes locais sem fio de curta distância, que exigem uma alta taxa de dados para comunicação. Assim, seria possível transferir entre dispositivos que fazem parte dessas redes um arquivo de 1GB em menos de três segundos, além de possibilitar a transmissão de vídeos de alta definição em tempo real sem a necessidade de se usar qualquer tipo de compressão.

Outro tema que será discutido nesta reavaliação será o da transferência das características técnicas dos Sistemas de Acesso sem Fio em Banda Larga para Redes Locais, e se essa regularização será feita por meio de um Ato assinado pela Superintendência da Anatel. Segundo uma análise feita pelo relator do projeto, o conselheiro Vicente Aquino, ao se permitir que a regulação do tema seja feita pela Área Técnica da Agência, há uma simplificação em todo o processo, o que permite que atualizações na regulação de sistemas que operam nas faixas de radiofrequência entre 5150 MHz e 5350 MHz sejam aprovadas de maneira bastante rápida.

Assim, ambos os pontos irão para consulta pública e ficarão disponíveis durante 45 dias disponíveis para receber contribuições e comentários de membros da sociedade assim que a aprovação da reavaliação for publicada pelo Diário Oficial da União. É possível procurar por esta e outras consultas públicas disponíveis no próprio site da Anatel.

Fonte: Anatel

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.