Monitorar marca nas mídias sociais pode controlar ou evitar crises de imagem

Por Colaborador externo | 24 de Fevereiro de 2016 às 11h00

Por Bianca Kenschikowski Borba*

Direta ou indiretamente quase todas as marcas estão presentes nas mídias sociais, por isso manter atenção ao que os consumidores e clientes comentam sobre sua empresa é fundamental para controlar – quando não possível evitar ­­– uma crise de imagem. Passar por uma delas pode ser um verdadeiro pesadelo, já que compartilhar informações e debater assuntos nunca foi tão fácil, e uma publicação simples pode viralizar a ponto de atingir milhões de pessoas.

Neste cenário, podemos dizer que existem três regras de ouro:

PECHINCHAS, CUPONS, COISAS GRÁTIS? Participe do nosso GRUPO DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

1. Dê feedbacks pontuais

Não podemos negar que hoje as mídias sociais são o principal meio de comunicação de muitos brasileiros e se tornaram o local preferido para reclamações e denúncias, já que o processo é mais simples do que, por exemplo, enviar uma carta ou passar horas esperando o atendimento por telefone. Ao monitorar sua marca continuamente ou em um momento de crise, tome conhecimento do problema e mensure os comentários na maior velocidade que conseguir. Avaliar os resultados rapidamente ajudará a reunir ideias de como se posicionar de forma mais assertiva.

2. Se preocupe com seu cliente

Diferente de escolher o silêncio como arma nessas situações, ir atrás de respostas, reconhecer os próprios erros e tranquilizar aqueles que são fiéis à marca é a melhor medida. A atitude é uma demonstração de maturidade e pode até atrair novos clientes e admiradores. Vale lembrar que o relacionamento com o cliente não pode ocorrer somente em épocas de crise, precisa ser contínuo e se mostrar digno de confiança.

3. Fique antenado às novas tendências

Uma empresa que não se atualiza tecnologicamente está fadada ao fracasso. Ferramentas de gestão em mídias sociais ajudam a reunir dados relevantes que podem escapar ao olhar humano e até aos buscadores virtuais. Isso em um momento de crise pode ser crucial, pois qualquer informação é importante para ajudar a conter o problema. Também é possível saber quem é a pessoa com quem está falando, do que ela gosta, o que ela procura em uma marca, quais suas empresas favoritas, etc.

*Bianca Kenschikowski Borba é Coordenadora de Marketing da Seekr, empresa provedora de soluções em multicanalidade para mídias sociais.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.