Wii faz casa inteira pegar fogo nos Estados Unidos

Por Redação | 26.05.2015 às 10:56

Havia um tempo em que as mães reclamavam que os videogames estragavam as TVs e, enquanto essa realidade nunca se confirmou com o Super Nintendo, o mesmo não pode se dizer com Wii. Só que, em vez de apenas bagunçar a televisão, parece que o console foi responsável por botar fogo em toda uma casa nos Estados Unidos.

Tudo aconteceu na semana passada após o corpo de bombeiros da cidade de Colorado Springs ter sido chamado para apagar um incêndio em um RV — um tipo de trailer um pouco maior. Depois do susto e das chamas terem sido apagadas, investigadores chegaram à conclusão de que o console foi a causa de tudo.

E o próprio proprietário do veículo concorda com isso. Segundo Trevor Pellegrin, o fogo não começou por conta de um curto-circuito ou de qualquer outro problema relacionado à rede elétrica de sua residência móvel, mas do próprio videogame. Em entrevista, ele contou que, pouco antes do incidente, o aparelho estava ligado e que ele não o removeu da tomada ao sair por não saber que esse era uma medida de segurança. De acordo com o jovem, não há nenhum alerta para isso ou qualquer coisa parecida que indique que mantê-lo ligado pode resultar em tragédia.

Assim, quando Pelegrim saiu de casa para ir a uma reunião, recebeu um telefonema de um amigo dizendo que havia um incêndio em seu RV. Chegando ao local, ele percebeu que praticamente todos os seus pertences haviam sido destruídos.

Por mais que tudo indique que o Wii foi o grande vilão da história, o rapaz disse que vai chamar sua companhia de seguros para dar uma olhada na situação e confirmar se o console foi mesmo o grande responsável pelo início do incêndio. No entanto, a investigação preliminar realizada pelos bombeiros locais dá 99% de certeza de que o fogo começou mesmo no aparelho.

Ainda assim, as causas para o ocorrido ainda permanecem misteriosas e a Nintendo não comentou o assunto. Enquanto isso, Pellegrin segue com seu pedaço de plástico cruelmente retorcido como uma péssima lembrança do que houve.

Via: IGN, KKTV