Ubisoft não vai lançar Assassin's Creed em 2016, mas planeja próximo Watch Dogs

Por Redação | 12 de Fevereiro de 2016 às 09h05

Apesar de não ter sido nenhuma grande surpresa, a Ubisoft fez na tarde desta quinta-feira (11) o maior anúncio relacionado a Assassin's Creed em anos. Confirmando alguns rumores que surgiram no último mês de janeiro, a empresa revelou que não teremos um novo jogo da série chegando aos consoles em 2016, acabando com a tradição de lançamento anual que se perpetuava desde 2009. E a culpa disso é de Assassin's Creed: Unity.

Em um comunicado publicado em seu site oficial, a produtora diz que a ideia é pisar um pouco no freio no desenvolvimento de novos jogos para o universo da franquia para poder repensá-la com um pouco mais de calma. Basicamente, é dar a pausa que muitos fãs já vinham pedindo há anos para poder dar um novo direcionamento ao credo dos assassinos e sua saga contra os templários. Para isso, a Ubisoft diz ter aprendido muito com o feedback dado após a enxurrada de críticas feitas a AC: Unity, lançado repleto de problemas para PC, PS4 e Xbox One em 2014.

Só que não é só isso. Na verdade, Unity foi um fiasco tão grande que sujou a série de modo que prejudicou até mesmo as vendas de seu sucessor, Assassin's Creed: Syndicate. Ambientado em Londres durante a Revolução Industrial, o game foi bastante elogiado pela crítica, mas parece não ter conseguido apagar a mancha do jogo anterior e teve vendas pouco expressivas. Durante a apresentação de seu relatório fiscal, a Ubisoft confirmou que as vendas de Syndicate ficaram abaixo do esperado.

Assim, segundo o CEO da produtora, Yves Guillemot, a saída foi segurar a série por um ano para permitir que ela possa ser reinventada, sendo levada a uma nova dimensão em relação àquilo que vinha sendo feito. E isso vai de encontro ao rumor surgido em janeiro que dizia que a Ubisoft ia trazer um novo Assassin's Creed apenas em 2017 se passando no Antigo Egito e levando a saga a um novo patamar, quase como um recomeço.

Apesar disso, a falta de assassinos não parece ser um problema nos planos da produtora, que conta com vários lançamentos de peso para reforçar seu desempenho no próximo ano fiscal. Até o momento a Ubisoft já conta com For Honor, South Park: The Fractured But Whole e Tom Clancy's Ghost Recon: WildLands como títulos de peso para compensar essa falta. Além disso, ela disse que ainda tem um AAA em potencial para ser anunciado e revelou que uma sequência de Watch Dogs deve chegar aos consoles até abril de 2017.

Via: Ubisoft, Engadget

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.