Resident Evil 4 chega em 30 de agosto ao PlayStation 4 e Xbox One

Por Redação | 08 de Julho de 2016 às 10h49
photo_camera YouTube

A essa altura do campeonato, parece improvável que você, se for fã de games, nunca tenha colocado as mãos em Resident Evil 4. Mas caso a resposta para isso seja positiva, mesmo com tantas versões e relançamentos desde os tempos do PS2, a Capcom quer se certificar de que você tenha acesso ao título, e está anunciando seu novo retorno para o dia 30 de agosto, desta vez no Xbox One e PlayStation 4.

Não se trata de uma remasterização, como foi lançada em setembro de 2011 para PlayStation 3 e Xbox 360, e depois para PC, mas sim um relançamento. A versão que teremos nos aparelhos de nova geração deve ser a mesma dos anteriores, com os bonitos gráficos trazidos anteriormente e performance no talo, uma vez que os consoles possuem bem mais poderio do que o título precisa para rodar.

Isso também significa que o relançamento de Resident Evil 4 não traz novidades para quem já se cansou de jogar. Junto com a campanha principal, que mostra Leon Kennedy em uma missão para salvar a filha do presidente norte-americano de um grupo de cultistas, temos a história extra Separate Ways, que mostra os trabalhos escusos da espiã Ada Wong durante o mesmo incidente. Os extras Mercenaries e Assignment: Ada também fazem parte do pacote, bem como troféus e achievements para quem gosta de colecionar.

As versões também são vendidas por um preço mais baixo que os grandes lançamentos dessa geração, pelo menos lá fora. Aqui no Brasil, apesar de a Capcom ainda não ter falado em valores, Resident Evil 4 deve chegar custando R$ 149,99, mesmo valor cobrado pelos recentes relançamentos de RE5 e RE6. O montante também vale para a edição em disco do título, que não tem data marcada e deve chegar posteriormente.

Um dos grandes méritos de Resident Evil 4 é a forma como ele revolucionou não apenas a franquia, mas o mundo dos jogos de ação. Apresentando uma jogabilidade que serviu de base para mais de dez anos de games futuros, o título trocou a velha perspectiva de câmeras fixas e o foco no terror por uma jogabilidade focada na ação, com visão sobre o ombro do personagem e forte armamento para ser selecionado.

Isso explica o fato de que, desde seu lançamento, em 2005, Resident Evil 4 teve versões para praticamente todos os videogames. Inicialmente um exclusivo do Nintendo GameCube, o título ficou de fora apenas do Xbox original, aparecendo no PS2, PS3, Xbox 360, PC, Nintendo Wii e Zeebo, tendo também versões um pouco diferentes para celulares com iOS, Android e até mesmo dumbphones.

Fonte: Capcom