Pokémon GO bate os 100 milhões de downloads

Por Redação | 02 de Agosto de 2016 às 00h03

Embora sequer tenha previsão para sair numa série de mercados, assim como o Brasil, Pokémon GO já é uma febre por todo o mundo: de acordo com um relatório publicado nesta segunda-feira (1) pela AppAnnie, uma agência especializada marketing para plataformas móveis, o aplicativo já foi baixado mais de 100 milhões de vezes, um salto astronômico, ainda mais se pensarmos que até meados de julho esse número estava na casa dos 25 milhões de downloads.

Para corroborar com os números da agência, o portal americano TechCrunch estipulou que o app tenha sido baixado 50 milhões de vezes somente no Android, isso com apenas 19 dias desde que havia sido disponibilizado na Austrália, o primeiro país onde foi lançado. Para termos uma ideia, um dos jogos mais populares da história, conhecido como ColorSwitch e que está disponível para Android e iOS, levou 77 dias para atingir os números que Pokémon GO conseguiu em apenas três semanas.

Embora muitos pensem que o crescimento de Pokémon GO signifique uma redução nos lucros de outros aplicativos, a AppAnnie afirmou que o game só ameaçou outros títulos durante os primeiros dias após seu lançamento, já que algum tempo depois, os lucros de outros aplicativos também voltaram à normalidade. Estima-se que, juntos, os aplicativos de Pokémon GO para Android e iOS gerem diariamente US$ 10 milhões em receita. Se considerarmos que há dois anos atrás, em 2014, o game Flappy Bird representava a maior explosão de popularidade em tão pouco tempo, e que ele lucrava "singelos" US$ 50 mil por dia, fica claro que Pokémon GO é um novo marco nessas estatísticas.

Além de ser um sucesso por si só, o título da Niantic Labs ajudou a alavancar um setor bastante promissor, o dos jogos em realidade aumentada: há anos, a indústria de aplicativos para smartphones, assim como a de games num todo, vem tentando introduzir as tecnologias de realidade aumentada (AR) e realidade virtual (VR) com pouca aceitação dos usuários. Muitos analistas sugerem que Pokémon GO é o tão esperado game que irá mostrar ao público do que essas duas tecnologias são realmente capazes, e que por isso, as gigantes do setor não devem temê-lo, mas sim encará-lo como uma oportunidade.

Fontes: Engadget, AppAnnie, TechCrunch