O adeus do Wii U pode estar mais perto do que gostaríamos de assumir

Por Redação | 09 de Julho de 2015 às 11h10
photo_camera Divulgação

Desde que a Nintendo confirmou que está trabalhando em seu próximo console, o NX, muita gente questiona quanto tempo mais o Wii U vai durar. Afinal, saber que há algo novo vindo aí é uma péssima forma de convencer o consumidor a comprar um aparelho. Apesar da empresa dizer que não há com o que se preocupar, parece que o adeus do console está mais perto do que muitos gostariam de assumir.

Pode parecer mais uma daquelas previsões pessimistas que todo fã da Big N está acostumado a ver, mas também não há como negar os vários sinais de que a companhia simplesmente desistiu do Wii U. É claro que ainda há alguns grandes lançamentos agendados para ele — principalmente o novo The Legend of Zelda, que, até o momento, não foi para o NX —, mas eles estão cada vez mais escassos e a impressão é que a fabricante não está mais se esforçando em mudar esse panorama. Basta se lembrar da E3.

O evento realizado no último mês de junho era a oportunidade perfeita para a empresa reverter esse cenário e, assim como no ano passado, trazer uma enxurrada de títulos para o Wii U. Não foi o que aconteceu. Com exceção de Star Fox e de um ou outro jogo menor, os donos do console não tiveram com o que comemorar e o próprio estande da companhia era um dos mais desinteressantes da feira.

Nintendo Wii U

Mais do que isso, durante a transmissão do Nintendo Direct, o próprio presidente da divisão norte-americana da empresa comentou muito mais sobre o NX do que sobre o futuro do Wii U. Segundo Reggie Fils-Aime, a nova plataforma é mesmo um console de mesa e veremos mais detalhes sobre ela no ano que vem. Além disso, ele frisou a necessidade de mudança e o modo como a própria Nintendo lidou com essas transformações ao longo do tempo.

Todo esse discurso é muito bonito, mas não consegue esconder o limbo no qual o Wii U foi jogado. A fala de Fils-Aime em conjunto com os pouquíssimos anúncios mostra que nem mesmo a fabricante aposta mais na plataforma e não vê sentido em trazer novidades para algo que está com os seus dias contados.

Ainda assim, há quem acredite que a Nintendo não vai querer jogar o Wii U para baixo do tapete e esquecê-lo. Como aponta a Wired, vários rumores afirmam que a Nintendo quer manter o legado do console vivo e que ele e sua arquitetura ainda podem servir de base para o NX. E isso fica claro quando boatos apontam que tanto a equipe de criação de consoles quanto os responsáveis por portáteis estão trabalhando juntos, o que mostra que podemos ter essas duas experiências caminhando juntas em um futuro próximo.

Se isso realmente se confirmar, não apenas o Wii U como também o 3DS pode estar com os seus dias contados — repare que ele também não recebeu nenhum grande game nos últimos meses. A diferença é que, ao contrário do sistema de mesa, o portátil já tem alguns anos a mais de estrada e um histórico de sucesso bem maior em sua bagagem, podendo se despedir do mercado a qualquer momento com muito orgulho.

Wii U

Com isso, o futuro para qualquer fã da Nintendo soa muito nebuloso. Já sabemos que vamos ver o NX no ano que vem (e alguns rumores apontam um lançamento também para 2016, ainda que pareça pouco provável) e não há como negar que isso soa como uma grande contagem regressiva.

Olhando para os smartphones

Enquanto o futuro da empresa com seus consoles segue incerto, ela parece bem otimista com sua nova investida no mercado mobile. Pokémon Shuffle chega aos smartphones ainda neste ano e a DeNA, parceira da Big N nessa empreitada, segue animada com as possibilidades que se desenham no futuro. Segundo seu CEO, Shintaro Asako, o primeiro game dessa união chega ainda neste ano e os outros quatro vão ser distribuídos até o fim de 2017.

Além disso, em entrevista ao Pocket Gamer, o executivo usou Kim Kardashian Hollywood como um exemplo de sucesso para mostrar o potencial existente na parceria entre as duas empresas japonesas. Para Asako, assim como no game da modelo, basta o estímulo certo para agradar os fãs e fazer com que os futuros lançamentos deem certo.

Via: Wired, Slash Gear, Pocket Gamer

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.