Nintendo começa a retirar o Wii U das lojas; consoles estão sendo recolhidos

Por Redação | 21.12.2016 às 11:16
photo_camera Polygon

Depois de vários rumores e falsas despedidas, parece que agora é o momento certo para começarmos a dar "Adeus" ao Wii U. Após confirmar que estava prestes a encerrar a produção do console, a Nintendo agora começou a retirar o Wii U das principais varejistas dos Estados Unidos e da Europa.

Os primeiros relatos de que as últimas unidades do videogame estavam sendo retiradas das lojas surgiram no fórum NeoGAF. O usuário AuthenticM foi quem puxou o coro ao dizer que se surpreendeu ao ir a uma Best Buy e notar que os Wii U que estavam expostos ali há uma semana haviam sumido. Curioso, ele perguntou a um dos vendedores se houve alguma promoção para os videogames terem sido vendidos tão rapidamente - e a resposta foi que a própria Nintendo mandou recolher os aparelhos.

Na sequência, outros usuários disseram ter visto o mesmo acontecer em lojas da GameStop e da EBGames, de onde o Wii U simplesmente evaporou do dia para noite. O site GameZone foi além, telefonou para a WalMart, Best Buy e Target e confirmou: nenhum deles possui mais o videogame da Big N em estoque.

Os múltiplos relatos dão a entender que, sim, a Nintendo deu início a uma espécie de recall completo do Wii U. O problema é que isso soa bastante estranho, principalmente porque a empresa optou por recolher os consoles ao invés de promover um saldão de queima de estoque com preços reduzidos - afinal de contas o Natal está quase aí e não há melhor motivo para fazer as pessoas comprarem algo.

Por outro lado, pode ser que a Big N simplesmente tenha se cansado de tentar fazer o console sair das prateleiras - algo justificável diante do fiasco de vendas que foi o Wii U. Desde que foi lançado em 2012, o console vendeu apenas 13,3 milhões de unidades, um número muito inferior aos do PlayStation 4 e do Xbox One, lançados tempos depois.

Independentemente dos motivos que levaram a essa decisão, é possível garantir que este é o momento certo para dar tchau ao Wii U e abrir portas para o Switch, que começa a ser vendido a partir de março de 2017.

Via Geek, NeoGAF, GameZone