Hackers: PlayStation 3 tem falha que permite rodar jogos piratas 'para sempre'

Por Redação | 25.10.2012 às 12:50 - atualizado em 04.08.2015 às 16:50

Os hackers encontraram uma maneira de quebrar uma das barreiras mais difíceis no quesito segurança de software do PlayStation 3. Dessa forma, eles garantem que aqueles que usam firmware personalizado podem rodar jogos piratas para sempre. Saiu na CNET.

Um grupo auto-intitulado "The Three Musketeers" (Os Três Mosqueteiros) lançou nesta segunda-feira (22) um conjunto secreto de códigos LV0 capaz de desencriptar toda a camada de segurança de nível zero do console, utilizada pelo gerenciador de inicialização primário.

Isso significa que os hackers conseguirão liberar, sempre que quiserem, os firmwares personalizados para o dispositivo a cada vez que a Sony resolver atualizar o software do console. Os firmwares personalizados oferecem aos donos de PS3 a possibilidade de rodar jogos piratas, bem como os chamados aplicativos 'homebrew' (a exemplo dos emuladores de games antigos) e até mesmo o sistema operacional Linux em seus consoles.

"Isso significa que todos os firmwares e jogos futuros poderão ser quebrados, e dessa vez a Sony realmente não pode fazer nada" disse o usuário Marcansoft, um dos jogadores do exploit flai0verflow, em comentário no Slashdot sobre o vazamento dos códigos.

"Dado o jogo de 'gato-e-rato' trivial para analisar e corrigir o firmware, cada usuário atual de firmware vulnerável ou hackeado poderá manter esse estado por todas as atualizações futuras, já que todos os firmwares futuros também poderão ser desencriptados, corrigidos e submetidos aos antigos PS3s", completou o jogador.

A menos que seu PS3 rode ou possa fazer downgrade para um firmware personalizado, o exploit não significa nada - até o momento. Se você deseja saber um pouco mais sobre a façanha dos Mosqueteiros, confira um FAQ bastante informativo, que conta com as observações de Marcansoft sobre o hack do PlayStation3, nos fóruns da Wololo, em inglês.

O grupo responsável pela liberação dos códigos LV0 do PS3 ao público apenas realizou este feito porque um grupo rival teria, supostamente, roubado a informação e planejado vender firmwares customizados para ganhar dinheiro.

"Você pode ter certeza de que, se não fosse pelo vazamento de informações, este código nunca veria a luz do dia, mas o medo de nosso trabalho estar sendo utilizado por outras pessoas para fazer dinheiro nos forçou a lançar os códigos agora", escreveram os Mosqueteiros em uma nota anexa à revelação do LV0.