Fortnite terá temporada competitiva com US$ 100 milhões em prêmios

Por Wagner Wakka | 21 de Maio de 2018 às 16h15

A Epic Games anunciou nesta segunda-feira (21) uma novidade para quem tem habilidade em Fortnite, o jogo em estilo battle royale mais popular do momento. A empresa criou uma temporada competitiva oficial do game com partidas entre 2018 e 2019, oferecendo um total de US$ 100 milhões em prêmios.

“Pegue seu equipamento, entre e comece a treinar. Desde o lançamento do Fortnite Battle Royale, assistimos à paixão pela competição na comunidade crescer e não podemos esperar para estimular que lutem com os melhores”, diz o comunicado oficial.

A empresa, contudo, não deu mais detalhes sobre como as competições vão acontecer, mas diz que a competição será diferente: “planejamos ser mais inclusivos e focados na alegria de jogar e assistir ao jogo”.  A Epic Games promete novas informações nas próximas semanas.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O montante é uma grande quantia para o cenário competitivo. Segundo levantamento do site Esports Earnings, no ano passado a empresa que mais premiou seus jogadores foi a Valve com um total de US$ 38 milhões em 159 torneios de Dota 2, e US$ 19 milhões em 894 torneios de Counter Strike: Global Offensive. Ainda, segundo levantamento do site, ao todo foram disponibilizados US$ 113 milhões juntando todas as competições de 2017, com uma média de US$ 28 mil por torneio.

Ou seja, US$ 100 milhões para apenas uma competição já é quase o equivalente a tudo montante do ano passado. Principal concorrente de Fortnite, Player Unknown’s Battlegrounds até o momento em 2018 forneceu US$ 1,2 em prêmios.

O passo rumo ao cenário competitivo já era uma movimentação lógica da Epic Games, uma vez recentemente foram organizados vários campeonatos não-oficiais com grande público do jogo. No início do mês, por exemplo, um grupo de influenciadores organizou um torneio que reuniu celebridades do Twitch e YouTube.

A Epic Games também pode aproveitar o sucesso de visibilidade do título. O game tem o recorde do Twitch, com 67 mil pessoas ao mesmo tempo vendo uma transmissão de Fortnite do streamer Tyler Blevins, conhecido como Ninja. Já no YouTube, o recorde de visualização para um jogo é do espanhol Rubén Doblas Gundersen do canal ElrubiusOMG, quem teve 1,1 milhão de espectadores ao mesmo tempo.

Fortnite não para de ter jogadores, com pico registrado no ano passado de 20 milhões de usuários simultâneos. O game tem estilo chamado de battle royale em que 100 pessoas competem pela sobrevivência em um estilo Jogos Vorazes.

Fonte: Esports Earnings, Epic Games

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.