2K Games enfrenta descontentamento dos jogadores com propagandas em NBA 2K19

Por Rafael Arbulu | 26 de Junho de 2019 às 15h44
Captura de tela: Sergio Oliveira

A 2K Games está com um belo "pepino" nas mãos: a empresa se tornou alvo da fúria de gamers esportivos após inserir propagandas impossíveis de serem puladas em NBA 2K19.

Segundo um post no fórum Reddit, os usuários estão bem descontentes com a prática, que consideram desleal por parte da empresa, haja vista que o jogo tem valor tabelado de mercado na hora da compra (US$ 60). A esmagadora maioria das reclamações indica justamente esse ponto como o mais destacável: em um jogo pelo qual você já pagou, você ainda é forçado a assistir a comerciais, sem a opção de pulá-los.

Captura de Imagem: Sergio Oliveira

O post em questão, cujo título não vamos reproduzir aqui por ele conter termos de baixo calão, já conta com aproximadamente 13 mil upvotes (a versão Reddit para a “curtida”) e também foi contemplado com o selo “Reddit Gold”, para posts que trazem grande audiência ao fórum.

“O que isso muda se o comercial não pode ser pulado, afinal? Por que eles estão [no jogo]?”, diz um post. “Acabei de passar por isso. Propagandas em jogos mobile gratuitos é uma coisa. Agora esse, eu já paguei, não é legal”, diz outro.

NBA 2K19 (leia crítica) está em uma liquidação especial, com desconto massivo que posiciona o custo do jogo a US$ 3. Entretanto, muitos usuários acusam a 2K de rodar a oferta especial apenas no intuito de gerar demanda pela compra do jogo e, consequentemente, ter mais usuários assistindo aos comerciais de maneira forçada: “Vender o jogo a US$ 3 para ter um influxo de jogadores e depois fazer isso. Que empresa predatória, simplesmente nojento”, diz um dos membros reclamantes do fórum.

Captura de Imagem: Sergio Oliveira

A publisher não comentou o caso até o momento, mas não é a primeira a tentar algo do gênero: a Capcom também levou bronca por tentar inserir propagandas no formato de adesivos de logotipos nos uniformes de seus personagens em Street Fighter V, no ano passado. A situação cresceu a tal ponto que a empresa removeu o material publicitário, informando que eles voltariam depois de um estudo sobre como melhor reproduzí-los, de forma menos intrusiva.

O que você acha? É válido que empresas que produzam jogos encontrem na publicidade in game uma nova fonte de renda? Ou o fato de você já ter pagado pelo preço do produto deveria ao menos livrar o usuário desse tipo de propaganda?

Fonte: Reddit

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.