Cliente do Nubank ganha Pikachu após pedir Pokémon GO no Brasil

Por Redação | 10 de Agosto de 2016 às 15h23

A empresa de serviços financeiros Nubank é popularmente conhecida por seu atendimento cativante. Recentemente, a startup que oferece um cartão de crédito livre de tarifas e anuidade ganhou diversos elogios nas redes sociais por ter respondido um determinado cliente de maneira inusitada. Tudo começou quando um jovem jornalista, chamado Igor dos Santos, teve seu cartão fraudado e bloqueado por medidas de segurança. Além de ter o serviço financeiro restabelecido, ele recebeu um Pikachu de pelúcia em sua casa e uma carta escrito à mão.

Isso aconteceu porque no fim do mês passado, Igor realizou uma solicitação de maneira divertida, visto que já conhecia a boa reputação da empresa em seu atendimento. "Debloqueie meu cartão e se for possível desbloqueie Pokémon GO no Brasil", solicitou o cliente. De acordo com ele, o atendente "Thiago B." o atendeu no chat e foi bastante solícito. "Ele resolveu meu problema, me informou que iria enviar um novo cartão e que eu ficaria sem meu roxinho por até 10 dias úteis", disse.

Segundo o cliente, durante o atendimento, o funcionário do Nubank foi "colocando referência ao universo do desenho animado e não deixou o encantamento cair em nenhum momento". Durante a conversa com o funcionário, foi identificado que a fraude contestada já era "a terceira compra que a equipe rocket faz". Depois disso, o representante da empresa ajudou o jovem a se livrar do problema. Igor divulgou o experiência nas redes sociais e já obteve mais de mil curtidas.

Apesar do excelente atendimento recebido, a maior surpresa aconteceu duas semanas depois. "Cheguei em casa e tinha duas encomendas. Como eu sabia o que era a outra, abri a da Nubank primeiro. Era uma caixa de papelão feita a mão com papel e durex roxos, o que foi muito legal, pois vi que houve um trabalho humano ali. E, dentro, estava o Pikachu vestido com a roupa de um outro Pokémon, o Sableye", conta Igor. "Essa versão só vende no Japão. Então veio de lá. E ainda veio uma carta escrita à mão. Então, não foi algo mecanizado. Alguém parou o que estava fazendo no dia e teve esse trabalho."

Entre outras coisas, a mensagem dizia: "grande abraço pra ti, treinador. A gente se encontra na Liga!". O jornalista, feliz com a maneira que foi atendido e com o presente ganho, elogiou o funcionário e a empresa. "Não é só um marketing bem pensado, um planejamento de atendimento ao cliente, um SAC 2.0. É uma atitude humana. De conectar pessoas. De mostrar que é possível viver na nossa sociedade atual", disse Igor.

Via O Globo

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.