Bully volta a ser vendido no Brasil após oito anos de proibição

Bully volta a ser vendido no Brasil após oito anos de proibição

Por Redação | 24 de Junho de 2016 às 10h39
Rockstar

Um dos games mais polêmicos e controversos dos últimos anos vai finalmente voltar ao Brasil depois de oito longos anos proibido de ser comercializado no país. Desenvolvido pela Rockstar, Bully foi banido do mercado nacional e agora marca seu retorno em versão digital para PlayStation 4 e PC. Em outras palavras, é uma ótima oportunidade para que os fãs da produtora conheçam esse título que passou despercebido por aqui por conta de todos os problemas legais nos quais se envolveu.

E boa parte de toda essa discussão nos leva de volta ao ano de 2008, dois anos após o lançamento original de Bully no PlayStation 2. Na época, o Ministério Público do Rio Grande do Sul proibiu a comercialização do jogo por conta de sua temática e do modo como ele abordava a realidade escolar. Segundo o juiz Flávio Mendes Rebelo, responsável pela decisão, o jogo retratava situações ditadas pela violência e corrupção. Bem ao estilo “GTA escolar”, Bully apresentava professores inescrupulosos, alunos violentos e todo um sistema de gangues que não foi nada bem-visto pelas autoridades brasileiras.

Tanto que o juiz decretou que o título era “nocivo à formação de crianças e adolescentes e ao público em geral”. Isso acabou fazendo com que Bully fosse parar na lista de jogos proibidos no Brasil. Porém, por alguma razão, o título está disponível na loja nacional da Sony e da Valve. Na PSN, Bully está custando R$ 46, enquanto a Steam oferece o jogo por R$ 40. A razão para a volta da comercialização não foi divulgada. Se for um erro, pode ter certeza de que logo ele deve sair do ar.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Fonte: UOL

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.