Alguns jogos vão cobrar por atualização gráfica para 4K no PS4 Pro, revela Sony

Por Redação | 09.09.2016 às 11:16

O anúncio do PS4 Pro no início desta semana trouxe muitas dúvidas e incertezas em relação ao futuro dos jogos da empresa. É a primeira vez que temos uma geração intermediária desta forma e as coisas ainda estão pouco claras, sobretudo em relação às melhorias visuais oferecidas pelo novo console. Segundo a Sony, os jogos que já foram lançados vão receber atualizações para otimizar seu desempenho e tirar proveito da resolução 4K e do suporte a HDR. Porém, o que ninguém esperava é que algumas dessas atualizações fossem pagas.

Sim, parece que estamos entrando em uma era de “DLCs gráficos”. Em entrevista ao site japonês Game Impress Watch, o vice-presidente executivo da Sony Interactive Entertainmet Masayasu Ito revelou que alguns desses patches comentados durante o PlayStation Meeting da quarta-feira (07) serão pagos. Segundo ele, a cobrança ou não por esse conteúdo vai depender dos estúdios e de como eles encaram esses upgrades.

Só que isso não se resume apenas às produtoras third parties, mas também aos estúdios ligados à própria Sony. Quando questionado como a SIE iria trabalhar em relação a esse novo modelo, Ito afirmou que isso também vai variar de acordo com o título, ou seja, pode ser que os jogadores tenham de pagar para poder rodar, em 4K, games que já foram lançados. Ele não cita quais títulos são esses, mas a empresa já nos mostrou que Uncharted 4: A Thief’s End, The Last of Us Remastered e inFamous: First Light são apenas alguns dos exemplos de jogos que vão receber essa atualização — só não sabemos se paga ou não.

Uncharted 4: A Thief's End

Alguns jogos terão atualizações pagas para rodar em 4K no PS4 Pro, mas Sony não disse quais

Em compensação, o executivo afirma que todos os próximos lançamentos já terão o suporte completo para o PS4 Pro, dispensando esse “DLC”. Essa é uma excelente notícia para quem temia que essa prática de cobrança se tornasse uma constante daqui para frente. Porém, ainda assim, não há como negar o quão frustrante é saber que você terá de pagar um pouco mais por um título que você já tem. E pode ter certeza de que não serão poucos os jogos que vão ter essa “taxa” para o 4K, principalmente aqueles um pouco mais antigos.

Por outro lado, não há como dizer que isso era algo totalmente imprevisível. De uma forma ou de outra, o mercado já vem adotando essa prática há algum tempo com as famigeradas remasterizações — e a preços muitas vezes superior a um lançamento inédito. A otimização de um game de PS3 para PS4 nada mais é do que melhorar os visuais e o desempenho do game no novo hardware, da mesma forma como veremos no PS4 Pro. A diferença é que, a partir de agora, isso deve ser feito como se fosse uma atualização e não um relançamento.

O PS4 Pro chega às lojas no dia 10 de novembro por US$ 399 — cerca de R$ 1.300 na cotação atual.

Via: Game Impress Watch, Kotaku