Ações da Nintendo sobem 15% após anúncio de parceria com a Apple

Por Redação | 08 de Setembro de 2016 às 13h58
photo_camera Divulgação

O Miitomo foi o primeiro game mobile lançado sob a alcunha da Nintendo, mas foi só com Pokémon GO que a empresa lucrou milhões de dólares em um curto período de tempo. Agora, a companhia se prepara para lançar mais um título, desta vez para os novos smartphones da Apple e, assim como o jogo de caça aos monstrinhos, a Big N já começa a colher os frutos dessa parceria.

Durante a abertura da Bolsa de Tóquio, nesta quinta-feira (8), as ações da gigante japonesa subiram 15%. Após meia hora de negociações, o preço das ações avançava 15,18%, chegando a US$ 279,80 por ação. Na Bolsa de Nova York, a taxa de crescimento foi ainda maior, apenas algumas horas depois da revelação no keynote da Maçã, na tarde desta quarta-feira (7): por volta das 19h, as ações da Nintendo listadas nos EUA registraram alta de US$ 25,89%, a US$ 35,50.

Isso é resultado do anúncio de que o icônico personagem Mario ganhará um jogo para iPhone 7 e iPhone 7 Plus ainda neste ano. A novidade foi revelada pela mente criadora do encanador, Shigeru Miyamoto, que exibiu uma demonstração do game, chamado Super Mario Run. Esta foi a primeira vez que a Nintendo se associou à Apple para a distribuição de um de seus títulos.

Esse impacto causado pelo jogo do Mario para iPhone é semelhante ao que aconteceu em julho, época do lançamento de Pokémon GO. Desenvolvido pela Niantic, o game é distribuído pela Nintendo, que viu suas ações saltarem para 10% um dia após o título ser colocado nas lojas de aplicativos do iOS e do Android. O maior pico aconteceu uma semana depois, em meados de julho, quando os papéis da companhia alcançaram uma alta de mais de 50%.

No mesmo período, o valor de mercado da Nintendo recebeu um aumento de US$ 7,5 bilhões (cerca de R$ 25 bilhões na cotação atual), chegando a US$ 39,88 bilhões. Para efeito de comparação, a quantia era maior do que outra potência japonesa: a Sony, que valia US$ 38,38 bilhões.

Segundo Miyamto, Super Mario Run chegará à Apple Store em dezembro, antes do Natal. O jogo será vendido por um preço fixo e, diferente de Pokémon GO, não haverá microtransações internas no aplicativo.

Fontes: Agência EFE via Forbes

Fonte: G1

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.